ALMADA»» Nuno Cirilo analisa dérbi com Beira Mar

Já depois do empate Hassan atirou à trave…

“JOGO DIFÍCIL POR SE TRATAR DE UM DÉRBI, PELAS CONDIÇÕES CLIMATÉRICAS E TAMBÉM PELO ESTADO DO CAMPO”

“Minutos iniciais com o Beira Mar a ter algum ascendente sobre o Almada. Já esperávamos que eles fossem entrar forte por jogarem na sua casa, diante o seu público e acabaram por causar algumas situações com relativo perigo mas sem resultado no marcador.

Nós, fomos assentando o nosso jogo de forma prática e objectiva e conseguimos causar boas situações de perigo para a baliza do Beira Mar e em uma delas chegámos ao golo através do Fábio Nunes.

Aproveitando o ascendente sobre o Beira Mar, sabíamos que estávamos perto de marcar o segundo golo e por mais duas vezes poderíamos ter marcado mas acabamos por ir para o intervalo com a vantagem de um golo.

Na segunda parte o jogo foi totalmente diferente, o Beira Mar entrou muito forte com um futebol muito directo e isso fez com que nos encostassem no nosso meio campo defensivo, onde, também deixámos de ser práticos e objectivos e começámos a querer jogar sempre bonito o que era muito difícil com as já referidas condições.

Verdade é que o futebol directo do Beira Mar estava a ter resultado pois só eles estavam a criar perigo. Num lance de bola parada, num livre muito bem marcado, o nosso guarda-redes defende para a frente e o jogador do Beira Mar faz o 1-1.



O autogolo de Márcio…

O nosso jogo não estava a sair como queríamos mas a equipa estava determinada e tudo fazia para alterar o rumo das coisas e estando o jogo já mais equilibrado e num livre directo, acertámos na barra onde poderíamos ter feito o 2-1 mas, minutos depois, numa reposição de bola do guarda-redes do Beira Mar, onde a bola saí com muita força, o nosso jogador Márcio, que fez um excelente jogo, em desequilíbrio corta a bola e esta trai o nosso guarda redes, fazendo assim o Beira Mar o 2-1.

Já com 10 jogadores, por expulsão do Manel, fomos atrás do prejuízo e conseguimos marcar o golo do empate numa boa jogada a ser finalizada novamente pelo Fábio Nunes.

Já nos instantes finais do jogo, numa transição rápida muito bem conseguida, o Hassan remata e a bola bate na trave. Pouco depois termina o jogo registando-se um empate entre ambas as equipas. 

Quero também dar os parabéns à equipa de arbitragem que esteve muito bem”.

Share on Google Plus