JUVENIS»» BENFICA 4 BELENENSES 0

Com uma exibição muito bem conseguida…

ÁGUIAS GOLEIAM E FICAM SOZINHAS NO PRIMEIRO LUGAR

O Benfica, com uma exibição muito bem conseguida, goleou o Belenenses por 4-0 e isolou-se no comando da tabela classificativa da Série D do campeonato nacional de juvenis, seguindo agora com mais três pontos que a equipa do Restelo que havia sofrido apenas um golo nos seis jogos então realizados.

Na primeira parte o Belenenses [que possui uma equipa que gosta de ter bola], ainda deu alguma luta mas na segunda metade rendeu-se por completo à melhor qualidade de jogo das águias, sofrendo assim o seu primeiro desaire da época.

O jogo começou com um ritmo bastante intenso e com boas movimentações por parte dos jogadores de ambas as equipas e aos seis minutos foi aberto o activo com golo de Tomás Araújo que colocou o Benfica em vantagem na sequência de uma jogada de envolvimento pelo lado esquerdo do seu ataque.

O Belenenses demorou algum tempo a reagir mas aos 15 minutos ameaçou com perigo a baliza do Benfica com um remate de longe de Filipe Pereira ao qual se opôs com êxito o guarda-redes João Monteiro que afastou com os punhos.

À medida que o jogo ia decorrendo as águias começavam a ganhar maior ascendente e aos 27 minutos numa saída rápida para o ataque Sandro Cruz assistiu Gonçalo Ramos para o segundo golo da equipa comandada por Renato Paiva.

Até ao intervalo, o Belenenses ainda dispôs de alguns lances de bola parada mas nunca colocou verdadeiramente em perigo a baliza encarnada.


Na 2.ª parte o domínio das águias foi mais acentuado e o jogo desenrolou-se quase sempre no meio campo da equipa azul, que foi uma sombra do que havia sido no primeiro tempo e, em consequência disso, foi sem surpresa que o Benfica ampliou o marcador por Gonçalo Gomes (59’) e Gonçalo Oliveira (64’).

 

TREINADORES:

Renato Paiva (Benfica): “Fizemos uma grande exibição e obtivemos uma vitória que foi muito valorizada por uma excelente equipa”.


Bernardo Caetano (Belenenses): “Tivemos alguns momentos bons mas no geral não estivemos ao nosso nível. Não foi um dia bom para nós”.  

Share on Google Plus