1.ª DIVISÃO DISTRITAL»» MOITENSE 1 U. SANTIAGO 1

Houve divisão de pontos no Juncal…

MOITENSE CEDE EMPATE EM CASA NA RECEPÇÃO AO U. SANTIAGO


O Moitense não conseguiu melhor que um empate no jogo que disputou no Juncal Desportos, com o U. Santiago, relativo à 7.ª jornada do Campeonato Distrital da 1.ª Divisão.

Este terá sido um desfecho positivo para a equipa alentejana porque conquistou um ponto fora de casa e, naturalmente, negativo para o Moitense porque na condição de visitado sentia-se na obrigação de ganhar.

Depois de uma primeira parte pouco atractiva que terminou com o resultado em branco, os golos acabaram por surgir na segunda metade do encontro.

O primeiro foi obtido pela equipa da casa  na transformação de uma grande penalidade cobrada por João Nuno aos 58 minutos e segundo pela equipa alentejana que conquistou assim mais um ponto para o seu pecúlio.

Com o ponto conquistado o Moitense passou a somar 11 encontrando-se em 8.º lugar enquanto o U. Santiago ocupa neste momento o 10.º lugar com oito pontos.

Na próxima jornada o U. Santiago recebe o Palmelense e o Moitense desloca-se a Alcochete.


A OPINIÃO DOS TREINADORES…

OLÍVIO CORDEIRO, treinador do Moitense:

“Existem empates que doem mais que certas derrotas, este foi um deles”

“Foi uma 1ª parte não muito bem jogada, embora a meu ver com maior domínio da parte da minha equipa.
No 2º tempo dominámos o jogo e marcámos após uma grande penalidade a nosso favor com o João Nuno a finalizar após recarga, depois estivemos sempre a jogar no meio-campo adversário falhando de forma escandalosa por duas vezes.

Numa falha nossa no ataque propiciamos o ataque rápido por parte do Santiago que deu em golo, castigando assim a minha equipa.
Tentámos ainda assim o golo da vitória mas não deu.

Existem empates que doem mais que certas derrotas, este foi um deles”.

Share on Google Plus