1.ª DIVISÃO DISTRITAL»» MOITENSE 0 FC SETÚBAL 1

Moitense perdeu pela primeira vez em casa…

DJÁ E THIERRY FIZERAM A DIFERENÇA NO REGRESSO ÀS VITÓRIAS DO FC SETÚBAL

O FC Setúbal, que havia sofrido duas derrotas nos dois últimos jogos com Grandolense e Almada, regressou nesta jornada às vitórias no Juncal Desportos onde derrotou o Moitense por uma bola a zero.

A tarefa não se apresentava fácil para a equipa setubalense devido ao bom campeonato que o Moitense está a realizar mas as coisas acabaram por lhe correr de feição e acabaram mesmo por sair vitoriosos graças sobretudo à perspicácia de Djá e à qualidade do seu guarda-redes Thierry, que terá sido o melhor jogador em campo e o principal obstáculo da equipa da Moita.


Com uma primeira parte de grande nível a equipa do Moitense exerceu domínio territorial e criou várias oportunidades de golo que seriam sempre travadas pela grande exibição do excelente guardião da equipa setubalense e em consequência disso o intervalo chegou com o marcador em branco.

Na segunda parte Mário Leandro procedeu a algumas alterações de ordem táctica e o FC Setúbal melhorou de forma considerável a sua postura acabando por chegar ao golo por Djá, aos 72 minutos.


O Moitense, apesar de surpreendido, ainda tentou reagir e até criou uma ou outra situação mas não conseguiu os seus intentos e acabou mesmo por sofrer a sua primeira derrota em casa.

Com o triunfo alcançado, e com a derrota do Barreirense frente ao Amora, o FC Setúbal embora tenha mantido o 3.º lugar ficou mais perto do segundo, precisamente a um ponto.

O Moitense está a meio da tabela, em oitavo lugar, com 14 pontos, os mesmos que tem o Palmelense.
   

Na próxima jornada, que se realiza apenas no dia 17 de Dezembro, o Moitense desloca-se ao Lavradio para defrontar o Fabril e o FC Setúbal recebe o Palmelense. 


OLÍVIO CORDEIRO, treinador do Moitense:

“Ganhou a equipa mais prática e não a melhor em campo”


“Perante um bom adversário tivemos uma das nossas melhores primeiras partes esta época, com domínio total em todos os sectores e com diversas oportunidades de golo onde o Thierry, guarda-redes do FC Setúbal, esteve sempre em grande nível, tendo em 3 ocasiões efectuado defesas dignas de registo de campeonatos superiores.

Na 2ª parte o FC Setúbal altera e entra mais por cima, onde a minha equipa se sentiu surpreendida e sem reacção efectiva, sofremos o golo. Perante este adversário é muito complicado virar o resultado, ainda assim insistimos, falhando por duas vezes na cara do guarda-redes.


Vitória da equipa que foi mais prática, e não a melhor em campo”.

Share on Google Plus