2.ª DIVISÃO AF SETÚBAL»» ADQC 2 ORIENTAL DRAGON 4



ADQC ganhava ao intervalo por 2-1…

ORIENTAL DRAGON DÁ A VOLTA AO RESULTADO NA SEGUNDA PARTE

O Oriental Dragon obteve na Quinta do Conde o seu terceiro triunfo fora de casa nos três jogos efectuados na condição de visitante mas, neste caso, não foi nada fácil de conseguir devido às dificuldades impostas pela ADQC.

O jogo, que fazia parte da 5.ª jornada da fase final do Campeonato Distrital da 2.ª Divisão, começou da melhor maneira para a equipa da casa que se adiantou no marcador por Yannick, quando estavam decorridos apenas seis minutos.

O Oriental respondeu pouco depois (12’) com o golo do empate mas a equipa da Quinta do Conde que vinha jogando melhor que o seu adversário voltou a marcar desta vez por Nelson (43’) e foi para o intervalo a ganhar por 2-1, resultado que se aceitava perfeitamente.

Ao intervalo o Oriental procedeu a algumas alterações e a equipa melhorou bastante. Aos 48 minutos, Amadeu fez aquilo que melhor sabe e igualou a partida, a duas bolas.


Seguiu-se um período em que ambas as equipas procuravam chegar à vantagem e isso acabou por acontecer precisamente para o Oriental Dragon com Amadeu a bisar (75’) e, depois, Ramirez, já em período de compensação (90+2’), a fixar o resultado final.

Com esta vitória o Oriental Dragon ascendeu ao segundo lugar da tabela classificativa com 12 pontos, menos quatro que o C. Piedade ‘B’ que lidera e mais dois que o Brejos de Azeitão que segue na terceira posição.

A ADQC está em sétimo lugar com três pontos, os mesmos que têm os Pescadores que ocupam o último lugar.

Na próxima jornada a ADQC desloca-se à Costa de Caparica e o Oriental Dragon recebe o Comércio Indústria.



RUI FONSECA, treinador do Oriental Dragon:

“Foi uma vitória extremamente difícil da nossa parte”

“Vitória extremamente difícil da nossa parte e em que os números finais não demostram o equilíbrio que se fez notar.

Sabíamos que o jogo contra a ADQC iria ser muito difícil porque defrontávamos uma equipa bem organizada com os jogadores a terem uma grande entrega ao jogo. Fizemos uma primeira parte francamente abaixo das nossas possibilidades e por isso fomos penalizados no resultado ao intervalo.

Rectificámos algumas coisas, arriscámos em termos tácticos e a equipa teve um comportamento totalmente diferente na segunda parte, só assim foi possível levar os 3 pontos.

Analisando o resultado final com o pragmatismo que nos é característico, estamos de parabéns e vencemos bem uma excelente equipa, mas, se houvesse justiça no futebol, também devíamos dizer que nenhuma equipa devia ter perdido, tal foram as dificuldades que a ADQC nos colocou.

Parabéns aos meus rapazes que, para além de toda a sua qualidade individual, tiveram também uma atitude competitiva e um compromisso que nos proporcionou a vitória.

Parabéns à ADQC e ao Ricardo Jesus pela forma como a sua equipa abordou e disputou o jogo”.

Share on Google Plus