FABRIL - BARREIRENSE»» Treinadores falam do dérbi


Pedro Amora, treinador do Barreirense…

“SÓ TENHO QUE DAR OS PARABÉNS A ESTE FANTÁSTICO GRUPO DE HOMENS”

“Foi um jogo equilibrado onde nós sempre com mais bola e o Fabril a sair rápido para o ataque apostando muito na qualidade que tem nos homens da frente, durante a primeira parte.

Na segunda o Fabril veio com outra disposição, subiu um pouco mais e nós não tivemos tanto domínio durante os primeiros 20 minutos e consequentemente acabámos por sofrer golo.

Fizemos alterações, a equipa reagiu, chegámos ao empate e penso que a partir dai voltámos a pegar no jogo mas foi o Fabril que acabou por voltar a fazer golo já perto do fim.

 Só o grande carácter destes jogadores fez com que a 5 minutos do fim ainda tivessem alma para ir procurar o empate, que acabou por acontecer nos descontos mas que poderia ter acontecido antes, uma vez que tivemos oportunidades para marcar.

No prolongamento, fisicamente estávamos melhores e intensificamos a pressão sem conseguir materializar em golo, acabando o jogo com 10 jogadores em campo e um deles visivelmente debilitado fruto de uma "agressão" de que foi alvo.

Duas equipas que se respeitaram, num jogo nem sempre bem jogado mas com muita emoção até ao fim, onde acabámos por ser justos vencedores pelo que se passou durante os 120 minutos e o Fabril a ser um digno vencido.


Hugo Falcão, treinador do Desp. Fabril…

“ESTOU MUITO SATISFEITO COM OS MEUS JOGADORES” 

Em declarações ao site do GD Fabril, que reproduzimos na íntegra, Hugo Falcão, técnico do GD Fabril, reagiu à eliminação da equipa fabril na Taça AFS “Sousa Marques”.

O técnico não esconde a satisfação pela entrega dos jogadores e deixa uma promessa para a próxima época.

Pelo meio Hugo Falcão lembra que cada equipa que entra em campo tem de preocupar-se em fazer o seu trabalho.


Share on Google Plus