JUVENIS»» Benfica 4 Belenenses 0

Abriu o activo, um minuto depois de ter entrado em campo…

HENRIQUE ARAÚJO FOI A GAZUA QUE DESBLOQUEOU O JOGO 

O Benfica venceu o Belenenses por 4-0 em jogo antecipado da 3.ª jornada da Série D do Campeonato Nacional de Juvenis, realizado esta noite no Seixal. E, aconteça o que acontecer nos outros encontros, uma coisa é certa, vai continuar na liderança da competição, só com vitórias e com um registo de 17 golos marcados e zero sofridos.

A vitória das águias não merece contestação mas não foi fácil de conseguir devido à forma organizada como a equipa de Belém abordou o jogo.

O Benfica foi sempre uma equipa dominadora e aos oito minutos criou a primeira oportunidade num cabeceamento de Diogo Cardoso que levou a bola à barra, após cruzamento de Henrique Pereira. Com mais posse de bola os encarnados atacavam muito mas com pouco critério, facto que não permitiu marcar qualquer golo na primeira parte.


Depois do intervalo as águias entraram mais agressivas mas foi o Belenenses que criou perigo, na sequência de uma jogada de contra-ataque conduzida por Tomás Rodrigues (46’).

Depois deste aviso, Luís Nascimento fez entrar Henrique Araújo e foi este que desbloqueou o jogo ao marcar o primeiro golo, um minuto depois de ter entrado a substituir Diogo Cardoso.

Aos 65 minutos Pedro Silva fez o segundo golo ao concluir com êxito uma boa jogada de envolvimento e a partir daí tudo ficou decidido.

O Belenenses caiu em termos anímicos e os encarnados ainda marcaram mais duas vezes, por Diogo Nascimento (72’) e Henrique Araújo (76’), que bisou na partida.  

                                                                                      

A OPINIÃO DOS TREINADORES...

Luís Nascimento (Benfica):”Na 1.ª parte acusámos um pouco a ansiedade mas na segunda melhorámos bastante. Começámos a chegar com mais gente à zona de finalização, metemos mais qualidade no nosso jogo e vencemos um adversário muito competente.” 

Bernardo Caetano (Belenenses): “Derrota merecida por números exagerados. Os últimos 20 minutos foram maus, sentimos muito o primeiro golo e o segundo acabou com o jogo.

Share on Google Plus