CHARNECA DE CAPARICA»» Vitória chegou no último minuto


Renato Fernandes treinador da equipa…

“VITÓRIA JUSTA DA EQUIPA QUE MAIS TENTOU GANHAR O JOGO”

O Charneca de Caparica, depois da vitória alcançada na Moita na primeira jornada, voltou a triunfar agora em jogo a contar para a segunda ronda, disputado no Cassapo, sobre o Banheirense.

O jogo, que foi extremamente disputado, e ficou marcado por três grandes penalidades que deram origem aos três golos, só ficou decidido no último minuto na cobrança de uma delas, favorável ao Charneca de Caparica, que é um dos comandantes da prova.

No final da partida, Renato Fernandes, treinador do Charneca de Caparica, em declarações ao nosso jornal disse que “este era um jogo muito complicado porque o Banheirense vinha motivado pelo empate conseguido na jornada anterior com o Barreirense, após uma recuperação de dois golos. Portanto, era natural que o Moitense viesse disposto a querer disputar o jogo aqui no nosso campo”.


“Nós entrámos bem na partida, a querer fazer o nosso jogo e colocar em prática aquilo que treinamos e aquilo que é a nossa forma de jogar mas eles mostravam-se sempre muito combativos a tentarem o jogo aéreo onde têm bons executantes, como o Rafa e o Djá. Acabámos por fazer um golo de penálti que não oferece dúvidas e fomos para o intervalo com uma vantagem que me parecia justa”.

“Ao intervalo alertei os jogadores para a intenção do Banheirense na segunda parte querer entrar forte, com o seu estilo de jogo ainda mais agressivo. Eles acabam por marcar também de grande penalidade que deixou algumas dúvidas em relação ao local onde a falta é cometida, dentro ou fora da área”.

Nós continuámos por cima do jogo até ao fim a tentar o 2-1 que acabámos por conseguir também numa grande penalidade, sem grande contestação, no último minuto da partida, mas a vitória acabou por ser justa da equipa que mais tentou ganhar o jogo”.


Share on Google Plus