II LIGA»» FARENSE 1 C. PIEDADE 0


Irobiso traiu a sua anterior equipa…

COVA DA PIEDADE PERDEU A SUA INVENCIBILIDADE FORA DE CASA

O Cova da Piedade sofreu em Faro a sua primeira derrota na condição de visitante e o grande culpado disso foi o nigeriano Irobiso, seu antigo jogador, com o golo que marcou aos 76 minutos.

A equipa de Faro foi a primeira a criar perigo, aos 10 minutos, quando Irobiso rematou de longe e obrigou Moreira a estirar-se para evitar o golo, dois minutos antes de cair na área em disputa com o guarda-redes e ficar a reclamar grande penalidade, que árbitro aveirense Cláudio Pereira não assinalou.

Aos 15 minutos, foi Ryan Gauld a ter o golo nos pés, depois de defesa incompleta de Moreira a remate de Mayambela, mas o escocês, praticamente só, atirou muito por cima.


Evaldo atira ao poste...

O Cova da Piedade aproximou-se da baliza rival com algum perigo aos 17 minutos, num remate do médio Hugo Firmino fraco e ao lado, e esteve muito perto do golo aos 24, num tiro Evaldo ao poste.

Antes do intervalo, a bola ainda chegou a entrar na baliza do Cova da Piedade (43’), mas o golo foi anulado por suposta falta sobre o guarda-redes Moreira.

Na segunda parte, o Farense voltou a ser a primeira a aproximar-se com perigo da baliza rival, e acabou por chegar ao golo aos 76 minutos, por Irobiso, que à boca da baliza só teve de encostar para fazer o 1-0, na sequência de um cruzamento da esquerda de Ryan Gauld.

Aos 80 minutos, o Cova da Piedade assustou, num cruzamento de Evaldo que ninguém desviou e que saiu ao lado da baliza, na defesa da qual Daniel Fernandes ainda teve de se empenhar para defender um remate de Liu sobre o apito final.



A OPINIÃO DOS TREINADORES…


Hugo Falcão (Cova da Piedade):O Farense acabou por ter mérito ao prejudicar a nossa organização mas o empate era o resultado mais justo por aquilo que se passou em campo, onde ambas as equipas apresentaram poucas soluções ofensivas”.

Rui Duarte (Farense):Foi uma vitória justa, da única equipa que quis ganhar o jogo. Fomos pacientes, não nos desorganizámos, fiquei extremamente satisfeito com a paciência demonstrada pela equipa. Nunca deixámos de estar dentro dos objectivos definidos pela administração”.



FICHA DO JOGO

Jogo no Estádio de São Luís, em Faro.
ÁRBITRO: Cláudio Pereira (Aveiro).

FARENSE: Daniel Fernandes; Godinho, Bruno Bernardo, Cássio, Jorge Ribeiro; Markovic, Ryan Gauld, Borges (Carlos Moura, 66’); Mayambela, Irobiso (André Vieira, 87’) e Alvarinho (Fábio Nunes, 73’).
Suplentes não utilizados: Hugo Marques, Delmiro, Kadri e Alan.
Treinador: Rui Duarte.

COVA DA PIEDADE: Moreira; Cele, Amorim (Liu, 42’), Evaldo, Lima Pereira; Hugo Firmino, Coronas, Miguel Rosa, Sori Mané; Ballack (Ronaldo Tavares 79’) e Rodrigo Martins (Dieguinho, 53’).
Suplentes não utilizados: Anacoura, Gonçalo Maria, Helinho e Chen.
Treinador: Hugo Falcão.

Ao intervalo: 0-0.

Marcador: 1-0, Irobiso (76’).

Acção Disciplinar: Cartão amarelo para Godinho (33’), Lima Pereira (45’), Rodrigo Martins (45+4’), Jorge Ribeiro (67’), Ballack (67’), Fábio Nunes (89’), Carlos Moura (90+5’).

Share on Google Plus