LAGAMEÇAS»» Jogo termina de forma insólita

Quando muitos jogadores já estavam sem roupa no balneário…

ÁRBITRO VOLTA A REATAR O JOGO DEPOIS DE O TER DADO POR CONCLUÍDO

O jogo disputado no Campo Adelino Caio Esteves entre o Samouquense e o Lagameças relativo à 2.ª jornada da Série A do Campeonato Distrital da 2.ª Divisão terminou de forma insólita e pouco comum, devido a um lapso da equipa de arbitragem que o reatou depois de o ter dado por concluído.

O caso foi reportado ao nosso jornal pelo treinador do Lagameças, Nuno Couto:

Depois de termos questionado muitas decisões da equipa de arbitragem durante o jogo, nomeadamente uma grande penalidade não assinalada já perto do fim, eis que surge o caso do jogo”.


De acordo com o treinador do Lagameças “o árbitro deu 8 minutos de compensação mas o jogo terminou aos sete. Depois de questionado sobre o acontecido, o árbitro disse que não havia reparado e mandou chamar os jogadores de ambas as equipas para jogarem o que faltava, quando muitos deles já se encontravam no balneário sem roupa”.

E, assim, com alguma confusão à mistura lá se conseguiu voltar a organizar as equipas que retomaram o jogo que acabou por ter mais três minutos quando na realidade apenas faltava jogar um. Enfim, uma pouco recorrente e no mínimo algo estranha”, conta Nuno Couto.

Share on Google Plus