LAGOA DA PALHA»» Clube prepara-se para mais uma época no INATEL

Plantel ainda tem duas ou três vagas...

FAZER MELHOR QUE NA ÉPOCA PASSADA E IR O MAIS LONGE POSSÍVEL NA TAÇA SÃO OS OBJECTIVOS


O Grupo Desportivo Lagoa da Palha, que tem vindo a preparar a nova época desportiva sob o comando técnico de Gilberto Silva e seu adjunto Diogo Duarte, vai entrar em competição no próximo domingo, dia 14 de Outubro, jogando em casa com o Bairro do Olival Queimado.

A equipa, que é composta por muita gente jovem, está motivada para o arranque da competição e o seu objectivo passa por fazer melhor do que fez na época anterior e chegar o mais longe possível na Taça Amizade.

O clube gostaria de poder vir a entrar nas competições da AF Setúbal mas de momento isso não é viável devido à falta de apoios financeiros e aos altos valores exigidos por aquela entidade associativa para clubes com poucos recursos, como é o caso.  

Estes foram os principais tópicos deixados por Diogo Duarte, treinador adjunto da equipa, numa breve conversa que manteve com o nosso jornal.


Como tem vindo a decorrer a preparação para a nova época desportiva?
O início desta época tem decorrido bem. Temos uma equipa com muitos atletas novos, com tenra idade e com muita vontade em aprender e assimilar as ideais da equipa técnica.

O plantel já está completo?
Eu diria que está numa fase avançada da sua composição mas ainda temos vaga para dois ou três atletas que possam vir a acrescentar qualidade

Quais são os vossos objectivos para 2018/2019?
Os objectivos do clube passam por fazer uma época melhor que a anterior no campeonato e ir o mais longe possível na Taça da Amizade

Nos últimos tempos há clubes do Inatel que têm optado por participar nas provas da AF Setúbal. Nos vossos horizontes há também essa perspectiva?
Poderia estar se o clube tivesse mais ajudas. Como as que tem são poucas, devido aos problemas financeiros que existem no nosso país, torna-se difícil. Não só por isso, mas também pelos altos valores exigidos pela AF Setúbal que não estão ao alcance destas instituições com poucos recursos.

Que acrescentar algo mais ao que já foi dito?
Gostaria de agradecer ao Jornal de Desporto pela promoção que faz do futebol amador e agradecer ao presidente do GD Lagoa da Palha por tudo o que tem disponibilizado à equipa técnica e aos jogadores, mesmo sabendo das dificuldades que tem.

Share on Google Plus