LIGA REVELAÇÃO»» Benfica 2 Rio Ave 2

Guarda-redes Daniel Azevedo foi o melhor jogador em campo …

JOGO DE ALTERNÂNCIAS NO MARCADOR

Benfica e Rio Ave empataram a duas bolas na partida que disputaram no Seixal relativa à 9.ª jornada da Liga Revelação e, em consequência disso, passou a partilhar o comando da tabela classificativa com o Desp. Aves, embora tenha menos um jogo realizado.

O jogo, que foi muito disputado mas nem sempre bem jogado, valeu sobretudo pelas várias alternâncias no marcador.


As águias foram para o intervalo a ganhar por 2-1 fruto do seu elevado grau de eficácia que resultou na obtenção de dois golos por Vukotic (12’) e Edi Semedo (32’) enquanto o Rio Ave, que se mostrou muito perdulário, apenas por uma vez conseguiu introduzir a bola na baliza adversária, por Schutte (10’).

Jaiminho estava a ser um verdadeiro quebra-cabeças para a defensiva encarnada valendo por duas vezes (15’ e 19’) Daniel Azevedo que levou a melhor no frente a frente com o avançado vila-condense que, pouco depois, aos 34 minutos, foi derrubado por Gonçalo Loureiro, dentro da área. Na cobrança do penalti o guarda-redes benfiquista voltou a brilhar defendendo o remate de Vitó. 

Na 2.ª parte o jogo caiu na monotonia e só voltou a ganhar mais vivacidade no último quarto de hora período que que os vila-condenses chegaram ao empate por Filipe Almeida (76’), depois de mais um punhado de grandes defesas de Daniel Azevedo que acabou por ser o melhor jogador em campo.

 





A OPINIÃO DOS TREINADORES...

João Tralhão (Benfica): “Nos últimos 10 minutos o 3-2 poderia ter surgido para qualquer equipa porque o jogo ficou imprevisível. Gostaríamos de ter controlado o jogo de outra forma mas sabíamos quais as nossas limitações. Ficámos satisfeitos com a performance dos atletas, que foram fantásticos”.

Pedro Cunha (Rio Ave): “A haver um vencedor neste jogo só poderia ser o Rio Ave porque foi superior. O Benfica teve hoje um guarda-redes inspirado, deve-lhe a ele o ponto que ganhou. O resultado é injusto” 

Share on Google Plus