CAMPEONATO DE PORTUGAL»» AMORA 3 SACAVENENSE 3



Jogo mudou completamente após a expulsão de Adérito…

DEPOIS DE UMA PRIMEIRA PARTE TÃO BOA NADA FAZIA PREVER O QUE ACONTECEU NA SEGUNDA


Emoção e golos foi coisa que não faltou no Estádio da Medideira onde o Amora não conseguiu melhor que um empate no jogo que disputou com o Sacavenense, relativo à 10.ª jornada do Campeonato de Portugal.

Na primeira parte o Amora conseguiu impor o seu jogo, teve mais posse de bola, foi bastante agressivo no aspecto ofensivo e saiu para o intervalo justamente a ganhar por 2-0 com golos marcados por Fidalgo (20’) e Bertrande (32’).

Na segunda parte as coisas foram completamente diferentes. O Amora ficou reduzido a 10 unidades, por expulsão de Adérito, aos 50 minutos, e a partir daí tudo mudou.

A equipa baixou as linhas, o adversário começou a acreditar, tomou conta do jogo e conseguiu chegar à igualdade com golos marcados aos 73 e 84 minutos, na sequência de dois cruzamentos.

O recém-entrado Eva Nga, aos 90 minutos, colocou o Amora de novo na frente do marcador e, quando se pensava que a vitória estava assegurada, Iaquinta, que marcou todos os golos da sua equipa, conseguiu o empate para o Sacavenense, já em período de compensação (90+2’).

Na próxima jornada o Amora volta a deslocar-se aos Açores, Ilha Terceira, para defrontar o Praiense, na cidade da Praia da Vitória. 


A OPINIÃO DOS TREINADORES (Clique aqui para ouvir)



Share on Google Plus