1.ª DIVISÃO AF SETÚBAL»» U. SANTIAGO 2 BARREIRENSE 0

Barreirense diz que em 12 jogos tem 10 penaltis sofridos…

UNIÃO DE SANTIAGO FOI A GRANDE SENSAÇÃO DA JORNADA

O Barreirense sofreu a sua segunda derrota no Campeonato Distrital da 1.ª Divisão e ficou agora a uma distância de seis pontos do Amora que lidera a competição.

A derrota sofrida pela equipa do Barreiro não estava nos seus planos mas o futebol é assim mesmo, as surpresas, por vezes acontecem, quando menos se espera.

Para a equipa alentejana que apresentava um dos seus reforços mais sonantes, Amândio Ramião, que entrou apenas aos 60 minutos, e não marcou nenhum golo, havia de facto uma grande motivação e isso acabou por ser fundamental para a conquista dos três pontos.

Apesar da entrega dos jogadores de ambas as equipas na primeira parte ninguém conseguiu marcar chegando o intervalo com o marcador em branco.
Na segunda parte surgiu o primeiro golo aos 55 minutos por Mário Matias que bateu o guarda-redes Kevin na cobrança de uma grande penalidade.


O Barreirense ainda procurou reagir mas pouco tempo depois o U. Santiago fez o seu segundo golo e tudo ficou mais ou menos definido.

No final do jogo o descontentamento era grande por parte do Barreirense e nomeadamente do seu director desportivo, Paulo Paiva, que lembrou que em 12 jornadas realizadas temos 10 penaltis sofridos e hoje então foi demais. O árbitro acabou por enervar a equipa e saímos prejudicados por isso. Que fique bem claro, não queremos ser beneficiados mas também não queremos ser prejudicados. Exigimos respeito”.

Depois da realização deste encontro o Barreirense manteve o segundo lugar mas viu a diferença ser aumentada para seis pontos. O U. Santiago está em 13.º lugar mas ficou mais perto dos seus mais directos adversários.


Na próxima jornada o Barreirense recebe o Alcochetense e o U. Santiago desloca-se ao Estádio da Medideira, onde defronta o Amora. 

Share on Google Plus