FUTEBOL FEMININO»» Ana Assucena em destaque na selecção


Jogadora do Amora não esconde o seu desejo…

“TEMOS NA CABEÇA A POSSIBILIDADE DE ALCANÇAR A FINAL E AÍ TENTAR CONQUISTAR O TROFÉU”

A selecção nacional feminina de sub15, com duas vitórias nos dois jogos realizados, está mostrar a sua qualidade no Torneio CONCACAF que decorre até segunda-feira, nos Estados Unidos da América.

A equipa lusa volta a entrar em campo esta sexta-feira pelas 14 horas frente à selecção da Jamaica e o objectivo passa naturalmente pela conquista da vitória para passar às meias-finais da competição que serão disputadas pelas equipas classificadas em primeiro lugar em cada um dos três grupos, mais o segundo melhor posicionado, conforme adiantou Ana Assucena, a autora dois golos que deram a vitória sobre os Estados Unidos.


Gearbest SKMEI 1243 New Sports Style Men's Outdoor Waterproof Watch
SKMEI 1243 New Sports Style Men's Outdoor Waterproof Watch only $6.95 with coupon "GBSKMEI1243"


“Estamos muito felizes com a vitória alcançada no jogo de ontem e pelo percurso feito até agora nesta competição. Foi muito bom podermos ter somado seis pontos, pois o nosso objectivo é chegar à final. O grupo está muito unido e acreditamos que tal é possível. Temos objectivos, um deles é formar neste espaço de Selecção uma segunda família e nas competições em que estamos inseridas chegar o mais longe possível. Neste momento temos na cabeça a possibilidade de alcançar a final e aí tentar conquistar o troféu.”

A equipa está a causar sensação mas os dois triunfos não irão causar euforia e a equipa estará focada na partida diante da Jamaica, garante a jogadora lusa.

“Queremos sempre ganhar até ao final deste Torneio, como é óbvio, e por isso amanhã não podemos facilitar em nada. Vamos entrar em campo com o pensamento na vitória. Pelo que vimos, a Jamaica tem uma equipa que está ao nosso alcance, mas temos de o provar dentro do campo. Queremos conquistar mais três pontos nessa partida, para seguirmos em frente.”
Ana Assucena, que tem apenas 14 anos, mostrou frieza na marca de grande penalidade e não vacilou nas duas vezes que teve pela frente a guardiã norte-americana.

“Estou habituada a marcar penáltis. Já cheguei a marcar também na Selecção sub-16, como já tinha marcado nas sub-15. Estava confiante e o Mister José Paisana disse para eu marcar, dando-me ainda mais confiança. Depois, foi fazer o que sei que é marcar golos”, concluiu.

As meias-finais serão disputadas no sábado, 11 de Agosto, e a final está agendada para segunda-feira, 13 de Agosto.

Share on Google Plus