1.ª DIVISÃO DISTRITAL»» GRANDOLENSE 6 PALMELENSE 2 - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

28 de abril de 2014

1.ª DIVISÃO DISTRITAL»» GRANDOLENSE 6 PALMELENSE 2

Aos 85 minutos havia 3-2

Palmelense sofre três golos em cinco minutos

O Grandolense goleou o Palmelense por 6-2 mas a vitória não foi tão fácil de conseguir como os números podem dar a entender porque ao intervalo o resultado estava apenas em 1-0 e já na segunda parte a equipa de Palmela reduziu por duas vezes o marcador para a diferença mínima. Primeiro para 2-1 e depois para 3-2, o resultado que se registava aos 85 minutos de jogo.

A equipa de Palmela, que tentava chegar à igualdade, arriscou tudo e acabou por ser surpreendida com mais três golos do adversário que acabou por construir uma vitória robusta.

No final da partida António Gomes, treinador do Grandolense estava satisfeito com o rendimento dos seus jogadores que obtiveram seis golos enquanto Edu Machado, técnico do Palmelense, lamentava o desacerto da sua equipa nos instantes finais da partida e também a actuação do árbitro Diogo Trancadas que terá assinalado mal uma grande penalidade contra a sua equipa e poupado um cartão vermelho ao guarda-redes do Grandolense, Washington.

Em termos classificativos, com os três pontos conquistados o Grandolense ascendeu ao quarto lugar ultrapassando o Almada que não foi além de um empate em Setúbal e o Palmelense caiu para o 14.º lugar.

Na próxima jornada o Grandolense viaja até Cacilhas onde defronta o Beira Mar de Almada e o Palmelense recebe o Desportivo Fabril.



A OPINIÃO DOS TREINADORES:


ANTÓNIO GOMES, treinador do Grandolense:

“O Grandolense teve sempre o domínio do jogo”

O Grandolense teve sempre o domínio do jogo. Na primeira parte podíamos ter marcado mais mas a verdade é que apenas conseguimos um golo e fomos para o intervalo a ganhar por 1-0. Logo no início da segunda parte fizemos o 2-0 e depois descansamos um pouco. O Palmelense deu um pouco de réplica e reduziu para 2-1, nós crescemos outra vez e aumentámos para 3-1 mas voltamos logo de seguida a baixar o ritmo de jogo e eles chegaram ao 3-2 que nos obrigou a acelerar partindo assim para uma vitória bem conseguida. Não é todos os dias que se consegue marcar seis golos. Nós estivemos muito bem na parte final do jogo e acabámos por obter uma vitória dilatada. O Palmelense em determinada altura deu boa réplica mas depois foi caindo e nós aproveitámos para ir marcando os golos. Creio que a vitória se ajusta bem ao que se passou em campo”.



EDU MACHADO, treinador do Palmelense:

“O resultado é enganador e algo exagerado”

Foi um jogo bem disputado pelas duas equipas que terminou com um resultado enganador e algo exagerado. Vínhamos com a intenção de dar a posse de bola ao Grândola e explorar o contra-ataque e acabámos por sofrer um golo no único lance em que houve desatenção defensiva da minha, equipa na primeira parte. Partimos para a segunda parte dispostos a virar o jogo e é aqui que o senhor do apito entra em acção e decide o jogo ao marcar uma grande penalidade que só ele viu, dando assim a primeira machadada no encontro. Depois, como se isso não bastasse, no lance da grande penalidade que resultou no nosso primeiro golo, ficou por expulsar o guarda-redes do Grandolense que derrubou o nosso jogador quando este já estava isolado. Expulsão essa, que poderia relançar o jogo porque o resultado estava em 2-1 e nós ficávamos com mais um jogador. Tivemos então que arriscar e acabáamos por sofrer mais um golo quando estávamos balanceados no ataque. Aos 85 minutos ainda reduzimos para 3-2 e ficámos com a esperança de levar pontos para Palmela. Só que o Grandolense acabou por matar o jogo na jogada seguinte e ainda conseguiu marcar mais dois golos. São decisões e lances que ditam um resultado embora reconheça que a equipa de Grândola teve mais bola, mais futebol e foi melhor. Só tenho que lamentar o facto de a minha equipa ter permitido ter três golos no espaço de cinco minutos. Acaba por ganhar a equipa que tem melhor orçamento, melhores condições e, decerto, mais apoio e organização. Resta-nos continuar a trabalhar para honrar esta camisola e lutar com todas as forças que ainda nos restam para assegurar a manutenção”.



FICHA DO JOGO

Jogo no Estádio Municipal, em Grândola
ÁRBITRO: Diogo Trancadas (Núcleo do Pinhal Novo)

GRANDOLENSE: Washington; Diogo, Paulo Santos, Jean, Mico (Wilson, 75’); Borges, Besugo, Bruno Mendes, Marco Neves (Ni, 70’); Fábio e Idy.
TREINADOR: António Gomes

PALMELENSE: Gustavo; Pedrinho, Samuel, Cartaxo, Magoito (Carrilho, 60’); Rocha, Cortez, Nelson; Kevin (Rodriguez, 45’), Jouberth (Kiko, 60’) e Djaló.
TREINADOR: Edu Machado

Ao intervalo: 1-0
Marcadores: 1-0, Marco Neves (32’); 2-0, Borges (47’) gp; 2-1, Cortez (70’) gp; 3-1, Fábio (80’); 3-2, Carrilho (85’); 4-2, Idy (87’); 5-2, Idy (89’); 6-2, Besugo (90+2’).

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here