- JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

sexta-feira, 31 de agosto de 2012

CHARNECA DE CAPARICA Obras decorrem em bom ritmo

 Primeiro jogo no sintético
 deverá ser a 29 de Setembro


Fotos: site do clube
As obras de arrelvamento do Campo do Cassapo decorrem em bom ritmo para satisfação de todos os adeptos, associados, dirigentes, treinadores e jogadores do Charneca de Caparica Futebol Clube. O mesmo será dizer que dentro de sensivelmente um mês o sintético já poderá ser utilizado nas diversas competições em que o clube se encontra envolvido. “Pensamos poder realizar o primeiro jogo em casa, com os infantis, no dia 29 de Setembro”, disse ao JORNAL DE DESPORTO, o presidente do clube José Manuel Santos. Devido às obras, como é compreensível, o clube teve que recorrer a outros clubes que cederam os seus campos para o início dos trabalhos para a nova época desportiva.

Desta forma, em Vale de Milhaços já trabalham desde o dia 20 os juvenis e desde o dia 27 de Agosto os juniores e os seniores, seguindo-se agora os iniciados, no dia 4 de Setembro. A propósito, recorda-se que a nível directivo, a estrutura do futebol de 11 será coordenada por João Peres e Luís Vasques; o secretariado, entregue a Graça Mendes e Sandra Teixeira; e o corpo técnico constituído pelos seguintes treinadores: José Guilherme (Seniores), Jorge Fernandez (Juniores), José Teixeira (Juvenis) e João Ramalho (Iniciados).

Relativamente ao futebol de 7, destinado a jovens nascidos entre 2000 e 2005 (Infantis, Benjamins, Petizes e Traquinas), os trabalhos terão início com treinos de captação, no campo gentilmente cedido na Costa de Caparica pela Associação Foot 7, no dia 3 de Setembro, pelas 18h 30m. A coordenação dos mais jovens foi confiada a Rui Capelo, funções que acumula com o cargo de treinador de Benjamins A; Ricardo Canário, será o treinador dos Infantis A; Ricardo Jorge e Samuel Espinha (Infantis B); Diogo Mareco (Benjamins B); e, Carlos Viana (treinador de guarda-redes.

 José Manuel Santos:
 “O sintético não vai resolver
 todos os problemas do clube” 

 Com este importante melhoramento, o Charneca de Caparica Futebol Clube está a viver momentos de verdadeira euforia, Mas, o presidente da direcção deixa um alerta à navegação: “o sintético não vai resolver todos os problemas do clube, vamos sim ter mais qualidade e condições para a nossa escola de formação, mas há ainda um longo caminho a percorrer e muito trabalho a desenvolver. O Charneca de Caparica tem neste momento uma situação privilegiada (não tem dividas), mas é necessário uma boa gestão, determinação e entrega dos seus dirigentes, sócios, técnicos e atletas, para que possamos alcançar os nossos objectivos, que passam por continuar a marcar a diferença

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here