1.ª DIVISÃO DISTRITAL»» CHARNECA 2 ALMADA 2

Na estreia do novo treinador…

ALMADA CONQUISTA PONTO PRECIOSO NA CHARNECA DE CAPARICA

Charneca de Caparica e Almada empataram a duas bolas na partida que disputaram no Campo do Cassapo relativa à 15.ª jornada do Campeonato Distrital da 1.ª Divisão.

O resultado não satisfaz em nada as pretensões do Charneca de Caparica porque jogava em casa mas acaba por ser positivo para o Almada que estreava um novo treinador [Nicolau Tavares] e dois jogadores, Paulo Mendes (ex-Amora) e Yala (ex-Ginásio de Corroios).

A equipa da Charneca de Caparica de Caparica foi a primeira a marcar por intermédio de Dani (31’), de cabeça, após a marcação de um canto mas à saída para o intervalo, já em período de compensação, Michel empatou para o Almada na recarga a uma defesa incompleta de Silveira.

Na segunda parte o Charneca de Caparica voltou a adiantar-se no marcador desta vez por João do Carmo na cobrança de um livre directo (48’) mas a resposta do Almada não demorou e cinco minutos depois estava restabelecida a igualdade com um golo de Jota marcado de cabeça depois do guarda-redes do Charneca ter feito uma grande defesa a remate de Michel.


Até ao final ambas as equipas continuaram à procura do golo mas ninguém conseguiu marcar tendo o jogo terminado empatado.

Na classificação o Almada passou a ter sete pontos, tantos quantos tem o Alcochetense, mas continua em situação delicada porque tem apenas mais um ponto que o último classificado [Banheirense] e está já a uma distância de nove pontos do U. Santiago, o 13.º classificado.

Na próxima jornada, a 25 de Fevereiro, o Almada desloca-se a Cacilhas para defrontar o Beira Mar em mais um dérbi da cidade e o Charneca de Caparica recebe o Moitense.



 PAULO LOUREIRO, treinador adjunto do Almada:

“Conseguimos um ponto muito importante que nos vem dar moral”

“O Nicolau tomou conta da equipa esta semana e, como conhecia todos os jogadores e sabia a forma como o Cirilo trabalhava, não fez muitas alterações.

Dissemos aos jogadores para entrarem concentrados porque nos três últimos jogos tínhamos sofrido golos logo nos primeiros minutos e foi isso que aconteceu. Entrámos mais concentrados e conseguimos equilibrar o jogo a meio campo. Depois sofremos o golo na marcação de um canto mas continuámos com a mesma postura e acabámos por chegar ao empate antes do intervalo.

No balneário voltámos a chamar a atenção para a importância da concentração mas apesar disso sofremos o segundo golo logo nos primeiros minutos de livre directo. A equipa não baixou os braços e pouco tempo depois conseguiu chegar de novo à igualdade.

Depois disso conseguimos manter o Charneca longe da nossa baliza e tentámos sair em contra ataque.

Penso que o resultado é justo pelo que as duas equipas fizeram durante o jogo.

Com isto, conseguimos um ponto que é muito importante para nós, pois temos uma equipa muito nova e isto sempre nos dá moral para continuarmos a trabalhar com o objectivo de nos mantermos nesta divisão.

Eu e o Nicolau queremos deixar aqui uma palavra de apreço para com o Cirilo porque isto também é trabalho dele e queremos desejar-lhe muitas felicidades”

Share on Google Plus