II LIGA»» C. PIEDADE 3 AROUCA 0 - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

19 de agosto de 2017

II LIGA»» C. PIEDADE 3 AROUCA 0

Nigeriano Ifeanyi Onyilo abriu o caminho para a vitória…

COVA DA PIEDADE ATIRA AROUCA PARA O ÚLTIMO LUGAR DA TABELA CLASSIFICATIVA




O nigeriano Ifeanyi Onyilo, um dos últimos reforços a chegar, abriu o caminho para a vitória do Cova da Piedade sobre o Arouca, em jogo relativo à 3.ª jornada da II Liga.

O jogador, que foi campeão na Sérvia pelo Estrela Vermelha, marcou o primeiro golo da partida já em período de compensação (45+2’), estreando-se assim da melhor maneira pelo clube da margem sul.

A vitória da equipa da Cova da Piedade não merece qualquer tipo de contestação porque foi de facto superior ao seu adversário e no final ficou a sensação que o resultado poderia ter sido ainda mais dilatado.

Os três remates certeiros dos comandados de João Barbosa acabaram assim por atirar a equipa nortenha para o último lugar da tabela classificativa.

Onyilo, o homem que abriu o caminho para a vitória...
Os arouquenses, que desceram esta temporada ao segundo escalão e apenas somaram um ponto nas duas primeiras jornadas, até foram os primeiros a causar perigo, logo ao minuto três. Depois de uma jogada de bom entrosamento, a bola foi amortecida por Cícero no 'coração' da área, que acertou em cheio no poste. 

Ao sentirem o perigo, os comandados de João Barbosa reagiram e voltaram a colocar o equilíbrio dentro das quatro linhas, face às investidas de Evaldo e Dieguinho do lado direito do ataque, mas sem alvejarem a baliza defendida por Bracali. 

Com o passar dos minutos, as sucessivas faltas a meio campo e as consequentes paragens quebraram a parte construtiva de ambas as equipas e tiraram alguma emoção ao jogo, com os golos a tardarem a aparecer.

Até que, quando o árbitro Nuno Almeida se preparava para apitar para o intervalo, eis que surgiu o ponta de lança nigeriano Onyilo na 'cara' de Bracali a rematar de primeira, inaugurando o marcador.


No recomeço dos segundos 45 minutos, o técnico Jorge Costa lançou Yaw Moses, em detrimento de Bruno Alves, para tentar agitar com a defesa contrária, no entanto, foi o Cova da Piedade a estar muito perto de dilatar a vantagem, através de um remate de meia distância de Robson. 

O Arouca não se encontrava e o conjunto piedense acabou por aproveitar os erros defensivos dos visitantes, aumentando a vantagem, ao minuto 62. O brasileiro Thiago Freitas, sem marcação, deu o melhor seguimento ao belo cruzamento de Hugo Firmino.

Já perto do fim ainda houve tempo para o recém-entrado na partida Ballack fechar as contas para o Cova da Piedade, não dando hipóteses com o guardião Bracali só pela frente.

Ao fim da 3.ª jornada o C. Piedade ocupa o 4.º lugar com seis pontos e o Arouca é o último classificado com apenas um ponto. 

Declarações do treinador do C. Piedade, João Barbosa, clique aqui...
Declarações do treinador do Arouca, Jorge Costa, clique aqui...


FICHA DO JOGO

Estádio Municipal José Martins Vieira, na Cova da Piedade
ÁRBITRO: Nuno Almeida (Algarve), auxiliado por António Godinho e Rui Cidade Silva; 4.º árbitro, Paulo Brás (Guarda)

C. PIEDADE: Pedro Alves; Adilson, Willyan, Daniel Almeida, Evaldo; Soares, Robson, Thiago Freitas (Sori Mané, 71’); Hugo Firmino, Dieguinho (Liu, 84’) e Onyilo (Ballack, 73’).
Suplentes não utilizados; João Paulo, Michael, Roberto e Floro.
Treinador: João Barbosa


AROUCA: Rafael Bracalli; Jefre Vargas, Nuno Coelho, Hugo Basto, Vítor Costa; André Santos, Bruno Alves (Moses, 45’), Paloceviz; Bertaccini, Nuno Valente e Cícero.  
Suplentes não utilizados; Igor Rocha, João Amorim, Benny, Adólio, Ericson, Nelsinho
Treinador: Jorge Costa

Ao intervalo: 1-0

Marcadores: 1-0, Onyilo (45+2’); Thiago Freitas (62’); Ballack (83’)  

Acção disciplinar: Dieguinho (28’), Nuno Coelho (38’), Bertaccini (82’), Willyan (90’)

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here