2.ª DIVISÃO AF SETÚBAL»» PAIO PIRES 1 SEIXAL 1

Expulsão de Pedro Almeida fragilizou a estruta alvi-negra... 

SEIXAL CONQUISTA PRIMEIRO PONTO NO CAMPEONATO COM GOLO MARCADO NA COMPENSAÇÃO


Paio Pires e Seixal Clube 1925 defrontaram-se no Campo Vale da Abelha em jogo relativo à 5.ª jornada do Campeonato Distrital da 2.ª Divisão.

Tratava-se de um derbi concelhio e ao mesmo tempo de um jogo histórico porque era a primeira vez que as duas equipas se defrontavam no escalão de seniores.

E porque derbi é sempre derbi foi muita a gente de se deslocou ao recinto desportivo do Paio Pires Futebol Clube para assistir à partida. 


As bancadas estavam bem compostas por adeptos dos dois clubes e nem o presidente da União das Freguesias de Arrentela, Seixal e Aldeia de Paio Pires, António Santos [e outros elementos do seu staff] quiseram faltar. 

O vento soprava por vezes com alguma intensidade e isso complicou um pouco a missão dos jogadores que se esforçaram bastante para proporcionarem em bom espectáculo.


Na primeira parte a jogar a favor do vento o Paio Pires foi a equipa com sinal mais e aquela que mais perto esteve do golo mas quando o intervalo chegou o marcador estava ainda em branco.

Na segunda parte era o Seixal que tinha o vento pelas costas e tentou tirar partido disso mas curiosamente seria o Paio Pires a diantar-se no marcador por intermédio de Casaleiro que se elevou muito bem dentro da área para cabecear com êxito, após pontapé de canto cobrado do lado direito pelo lateral Pedro Almeida.



A reacção da equipa seixalense foi imediata e o empate poderia ter surgido logo a seguir mas Miguel Machado, guarda-redes do Paio Pires, evitou o pior para a sua baliza.

O Seixal tomou então conta do jogo, remeteu o Paio Pires para a sua zona defensiva e a pressão que era constante ficou ainda mais agravada com a expulsão de Pedro Almeida que viu o cartão vermelho aos 71 minutos.

 

O jogo aproximava-se do fim e o Paio Pires tentava segurar a preciosa vantagem mas o Seixal que nunca desistiu de lutar acabou por chegar ao empate já em período de compensação (90+3') com um golo marcado por Luís Fernandes na sequência de um pontapé arrancado do lado direito, muito próximo da linha lateral. A bola sobrevoou toda a zona da grande área, bateu no poste mais distante e acabou por entrar na baliza à guarda de Miguel Machado para satisfação dos seixalenses e tristeza dos paiopirenses.



Na classificação o Paio Pires está em 2.º lugar com 10 pontos, a três do C. Piedade 'B' que é primeiro. E o Seixal, que conquistou o seu primeiro ponto na competição, reparte com o Zambujalense, o último lugar.

Na próxima jornada,o Paio Pires desloca-se à Moita para defrontar o Oriental Dragon e o Seixal recebe o Ginásio de Corroios, no Estádio do Bravo.   



A OPINIÃO DOS TREINADORES...


FRANCISCO TRONCÃO, treinador do Paio Pires:

"A expulsão do Pedro Almeida foi um rude golpe porque nos intranquilizou"



Para ouvir clique aqui...






TIAGO CORREIA, treinador do Paio Pires:

"Os jogadores tiveram uma entrega fantástica e não mereciam perder outra vez"





Share on Google Plus