FUTEBOL DE 7»» Barreiro Stara Zagora é campeão distrital, detentor da taça e vice-campeão nacional


Está apurado para a Liga dos Campeões mas não sabe se vai…

CLUBE PROCURA APOIOS PARA PODER REPRESENTAR PORTUGAL NA MAIS IMPORTANTE LIGA DA EUROPA

O nome pode parecer um pouco estranho mas tudo tem a sua história.

Barreiro Stara Zagora é o nome de uma rua da cidade do Barreiro atribuído na sequência de um protocolo de geminação com a cidade búlgara com o nome de Stara Zagora.

As amizades e as vivências do tempo de infância dos habitantes daquela rua fizeram o resto, reuniram-se, desenvolveram contactos e fundaram o clube que está a dar que falar no panorama desportivo regional e até mesmo nacional na vertente do futebol de sete, apesar da sua tenra idade.

O ano passado foi vice-campeão nacional e ganhou o direito desportivo de participar na Liga dos Campeões mas não foi porque não conseguiu reunir as condições mínimas em termos financeiros para isso.

Este ano, depois de ter vencido o Campeonato Distrital e a Taça de Setúbal voltou a sagrar-se vice-campeão nacional e desta vez não quer perder de novo a oportunidade de participar na Liga dos Campeões.

Neste sentido, o clube lança um apelo aos empresários da região com o objectivo de angariarem os fundos necessários para poderem participar na maior competição da europa em representação do nosso país e em especial da cidade do Barreiro.

Em entrevista ao nosso jornal Ricardo Cabrita fala dos feitos conseguidos pelo clube, dos seus objectivos mais próximos e desvenda mais alguns pormenores sobre o clube.


 “O ano passado não fomos à Liga dos Campeões por razões de ordem económica”


O Barreiro Stara  Zagora sagrou-se vice-campeão nacional de Futebol de 7. Isso quer dizer que foi uma época de sucesso?
Sim foi uma época que nos correu quase na perfeição. Só faltou colocar a cereja no topo do bolo e vencer o jogo da final. Recordo que para chegarmos à final nacional fomos vencedores da Série Barreiro só com uma derrota, e, posteriormente, sagrámo-nos campeões de Setúbal também com apenas uma derrota no último jogo do campeonato. Vencemos ainda a taça de Setúbal.

A equipa está apurada para disputar a Liga dos Campeões, à semelhança do que aconteceu o ano passado onde acabou por não entrar por razões de ordem económica. E esta época, como vai ser?
Sim foi uma realidade. No ano transacto, por termos sido também  vice-campeões nacionais da modalidade, ficámos apurados para representar Portugal na Liga dos Campeões, mas por motivos de ordem económica, não foi possível participar na competição. Este ano temos a expectativa e a esperança que os apoios vão surgir. Aproveito desde já para apelar a todas as empresas que possam ter interesse em "ajudar" o clube a representar Portugal por essa europa fora, que nos contactem nesse sentido. Temos todo o orgulho em poder representar o nosso país, a Margem Sul e mais concretamente o Barreiro no estrangeiro.

Para além do futebol de sete o Barreiro Stara Zagora dedica-se também á prática do futebol de praia. Os jogadores são os mesmos?
Este é um clube fundado em 2014 onde temos apenas duas modalidades, o Futebol 7 e o Futebol de Praia. Cada modalidade tem o seu plantel, onde apenas existe um jogador que faz parte dos dois.


“Stara Zagora é uma cidade búlgara”

Como nasceu a ideia de formar o clube?
O clube fundou-se devido às amizades nas vivências de infância na Rua Stara Zagora, no centro do Barreiro. Stara Zagora é uma cidade búlgara que celebrou um protocolo de geminação com a Cidade do Barreiro tendo efectivado uma permuta dos nomes das respectivas cidades, para uma rua cidade "gémea". Em 2011 entrámos em contacto com o clube mais representativo da cidade de Stara Zagora, na Bulgária, o Beroe Stara Zagora, e posteriormente fundou-se o clube.

Tem instalações próprias?
O clube neste momento ainda não tem instalações próprias, teve sim um papel importante na construção do campo municipal de Futebol de Praia, na praia fluvial do Barreiro. Campo, esse, que é o nosso espaço de treino para o plantel de Futebol de Praia. A médio prazo a intenção é podermos dotar o clube de património, obtendo uma sede.


“Também estamos apurados para a Copa Ibérica”

Como tem sido possível manter a actividade. Há apoios?
A actividade mantem-se com os apoios de alguns patrocinadores, aos quais desde já endereço o meu agradecimento por acreditarem no projecto. Todos estes pequenos feitos por nós alcançados, são também deles. Sem estes apoios nada seria possível. Recordo que ao nível do Futebol 7, temos 3 títulos na Série do Barreiro, 2 títulos de Campeões Distritais de Setúbal, duas Taças de Setúbal, uma  Taça Sevens e sagrámo-nos por duas vezes vice-campeões nacionais. No Futebol de Praia, o ano transacto atingimos os quartos-de-final do Campeonato Nacional, e vencemos o Torneio de Quarteira.

Que mais importa dizer neste momento?
Desde já o nosso obrigado pela entrevista, e que esta sirva para nos ajudar a marcar presença na Liga dos Campeões de Futebol 7, deste ano, e também na Copa Ibérica para a qual também estamos qualificados. Queremos representar o nosso distrito e a nossa cidade por esta Europa fora.


Share on Google Plus