AF SETÚBAL»» Campeões foram coroados

Cerca de 2.000 pessoas encheram o Pavilhão Luís de Carvalho…

GRANDE MANIFESTAÇÃO DE ALEGRIA EM NOME DO FUTEBOL DA REGIÃO

A Associação de Futebol de Setúbal promoveu na passada sexta-feira, à noite, no Barreiro, a festa de “Encerramento das Actividades – 2014/15”. Um momento de enorme entusiasmo que coroou os campeões do nosso futebol ao qual assistiram cerca de duas mil pessoas que encheram o Pavilhão Municipal “Luís de Carvalho”, numa noite de festa à volta do futebol distrital.

Atletas, técnicos e dirigentes dos clubes filiados na maior associação desportiva da região de Setúbal, entre diversos convidados, celebraram as dezenas de conquistas desportivas, nos diversos escalões etários, nas modalidades de futebol e futsal, de mais uma época competitiva dinamizada pela estrutura associativa que conta com 88 anos de historial.

Manda a tradição que o local da grande festa seja no concelho da equipa campeã de futebol sénior. O Barreirense foi o vencedor da prova maior do futebol da AF Setúbal e o evento abriu com as boas-vindas do edil barreirense.

“Esta é uma grande festa do desporto e a grande celebração do futebol do distrito de Setúbal. Um momento de solidariedade e de afirmação que mostra que é possível fazer desporto de competição em nome do bem-estar e da actividade física. Parabéns a todos os atletas, treinadores e dirigentes dos clubes e à AF Setúbal por esta fantástica festa”, elogiou o presidente da Câmara Municipal do Barreiro, Carlos Humberto.

Pouco antes do anúncio dos primeiros campeões da época, o presidente da Direcção da AF Setúbal, Joaquim Sousa Marques, vincou os números que fazem da associação distrital uma família cada vez maior em nome do desenvolvimento desportivo.

O líder associativo, depois de manifestar “muito orgulho em o pavilhão repleto”, vincou que “o futebol está vivo e esta manifestação de entusiasmo é o reflexo do muito trabalho realizado”. Um caminho que tem sido sustentado pelos emblemas filiados. “Os clubes são os verdadeiros impulsionadores para que esta evolução positiva seja uma realidade”.

Sousa Marques agradeceu ao presidente da Câmara do Barreiro pela importante colaboração institucional na cedência do pavilhão e lembrou que “o poder local é fundamental para o desenvolvimento desportivo”. Um reconhecimento público que mais tarde viria a ser reforçado com a entrega de uma lembrança ao edil barreirense.

Num rol de agradecimentos pela colaboração e parceria assumida com a AF Setúbal, o dirigente associativo lembrou ainda a ligação ao PNED, no âmbito do cartão branco. “Obrigado por estarmos associados a algo que foi fundamental passar a existir no nosso futebol”, vincou. Os núcleos de árbitros, e todo o universo de atletas, técnicos e dirigentes dos clubes mereceram um sublinhado especial pelo trabalho contínuo que têm desenvolvido.

Números reveladores

Para lembrar a valia da maior associação desportiva da região, Sousa Marques apontou alguns dos números que demonstram a envolvência do futebol na nossa região.

“Nesta última época tivemos 114 clubes filiados, que nos permitiu organizar 6408 jogos, envolvendo 9460 atletas, sob a arbitragem de 248 árbitros”.

O presidente da Direcção da AF Setúbal lembrou que a instituição esteve representada nas provas nacionais inter-associações com seis selecções distritais.

Fora do campo, a instituição mostrou a capacidade formativa. “A AF Setúbal teve 147 formandos em cursos de treinadores e 292 formandos nos cursos de árbitros, o que é muito importante para termos um futebol cada vez melhor”.

“Estes são números que reflectem uma realidade ímpar para o dinamismo desportivo e competitivo que é promovido pela AF Setúbal. Esta festa celebra e homenageia o trabalho de todos os clubes que seguem diariamente a promover o futebol e o futsal, que desejamos, sempre com fair-play”, felicitou.

Ao longo de quase três horas da cerimónia festiva, apresentada superiormente pelo comunicador Vítor Lima, que acabou distinguido pela AF Setúbal, foram entregues, sempre debaixo de fortes aplausos e grande entusiasmo, mais de 80 troféus às diversas equipas, em todos os escalões competitivos, referentes às provas organizadas pela instituição. 

A AF Setúbal decidiu também homenagear o seleccionador nacional de Sub-20, Hélio Sousa, 45 anos, que começou a dar os primeiros pontapés na bola com a camisola do CCD Brejos de Azeitão e se notabilizou como futebolista profissional ao serviço do Vitória de Setúbal, foi campeão do Mundo de sub-20 [em 1989], venceu uma Taça de Portugal, em 2006, pelo clube do Bonfim, e foi treinador vencido na final do Jamor, à frente da equipa verde e branca. 

Durante a cerimónia foram também distinguidos: Constantino Gonçalves, jogador de futsal, pela sua primeira internacionalização, registada no dia 4 de Novembro, de 2014, num Portugal-Itália; as selecções distritais de futebol feminino, sub-16; de futsal masculino, sub-17 e no plano da arbitragem, António Galrinho, pelos relevantes contributos prestados.

Declarações na festa




José Lima,
Coordenador do Plano Nacional da Ética no Desporto

“Parabéns à AF Setúbal por ser pioneira no incremento do cartão branco e por defender os valores da ética no desporto”.

“Este ano que passou foi muito positivo e para a nova época haverá mais escalões a serem contemplados com o cartão branco, mas sempre na formação”.

“Aproveito para deixar uma mensagem aos pais dos atletas, para que transmitam aos seus filhos os valores do fair-play. A actividade desportiva deve ser, primeiro, formativa e depois competitiva”.

Silveira Ramos,
Director Técnico da Federação Portuguesa de Futebol

“Grande festa que a AF Setúbal continua a promover anualmente.
Isto vem mostrar que Setúbal é um dos mais importantes viveiros do nosso futebol, que tem dado muitos treinadores e jogadores à Selecção e com projecção internacional”.


Aníbal Guerreiro
Presidente do Conselho de Arbitragem da AFS

“Esta foi mais uma época em que podemos considerar que o balanço foi positivo. Há qualidade e estamos a trabalhar diariamente para haver maior quantidade de árbitros na região. A introdução do cartão branco foi muito importante e neste particular destaco o contributo que os nossos árbitros deram para que esta iniciativa assumisse a relevância que tem”.

Fonte: Notícias AFS


Share on Google Plus