PALMELENSE»» O sonho vai tornar-se realidade - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

15 de julho de 2015

PALMELENSE»» O sonho vai tornar-se realidade

Sintético deverá ficar pronto a 28 de Agosto…

OBRAS NO CORNÉLIO PALMA COMEÇAM ESTA QUINTA-FEIRA


O Palmelense Futebol Clube, um dos históricos do nosso distrito, com 91 anos de existência, que tinha uma comissão para o futebol sénior mas vinha sendo gerido por uma direcção que resolveu antecipar as eleições, tem novos corpos sociais há cerca de dois meses.


João Santos, de 48 anos, é o novo presidente da direcção do clube que procura voltar à normalidade depois da vivência de momentos conturbados que criaram alguma instabilidade tanto a nível directivo como a nível desportivo.

Desde que tomou posse, o novo elenco directivo não tem parado de trabalhar e as perspectivas em relação ao futuro parecem ser as melhores. Foi esta a ideia com que ficámos depois da conversa que tivemos com o novo presidente da direcção que confidenciou ter encontrado o clube com “muitas dívidas, pouco dinheiro e muita coisa para fazer”.

João Santos adiantou ainda ao nosso jornal que os objectivos primordiais consistem no arrelvamento [sintético] do Campo Cornélio Palma que deverá estar concluído no dia 28 de Agosto, a tempo de poder ser inaugurado no decorrer das Festas das Vindimas; a alteração dos estatutos, uma ideia que perdura há mais de trinta anos; tratar do estatuto de utilidade pública e promover as equipas de futebol em todos os escalões.  



“Queremos puxar todas as equipas para a divisão principal”

Quais são os objectivos do Palmelense para a nova época desportiva ou se quisermos para o mandato desta nova direcção?
Desportivamente é subir todas as equipas porque nunca estivemos tão em baixo, em termos desportivos. Vamos querer puxar todas as equipas para a divisão principal. No que respeita a infra-estruturas, vamos avançar com a construção do sintético no Campo Cornélio Palma. A obra foi adjudicada na passada sexta-feira e até 28 de Agosto estará concluída para que possamos inaugurá-la durante as festas das vindimas. Em termos administrativos vamos fazer uma coisa de que toda a gente fala acerca de 30 ou 40 anos mas que ninguém conseguiu por em prática, estou a falar da alteração dos estatutos. E, depois, queremos também tratar o estatuto de utilidade pública. Todo o processo está em execução e até já se realizou uma Assembleia Geral para discussão. Agora vai haver outra AG para discussão e provavelmente já para aprovação dos novos estatutos. A partir daí será a gestão normal do dia-a-dia.

Quer dizer que há muito trabalho para realizar?
Sim, é verdade, mas nesta altura está tudo bem encaminhado. Estamos no clube há cerca de dois meses mas já está muita coisa feita. Mais que esperávamos fazer neste espaço de tempo.

Bancada com cadeiras que serão vendidas aos sócios

Em relação ao futebol jovem vai continuar a trabalhar no Municipal?
Sim, mas não só, também no Cornélio Palma. Vamos utilizar as duas infra-estruturas. Se conseguimos multiplicar o número de equipas jovens, tanto melhor. Aliás, este é também um dos nossos objectivos.

Certamente com gente qualificada para desempenhar a missão?
A própria organização associativa não permite que o trabalho decorra de outro modo. Já temos treinadores definidos para todos os escalões.

Para além do arrelvamento o Cornélio Palma vai sofrer também outros melhoramentos?
Fundamentalmente será o relvado. Depois vamos tratar das bancadas porque faz parte do projecto vender as cadeiras aos sócios [cada sócio vai ter direito a uma cadeira durante dois anos mediante o pagamento de determinado valor que será de certa forma aplicado na própria obra].

Quando vai começar a obra, já há data definida?
Quinta-feira, se tudo correr como esperamos, já estarão máquinas no local para dar início à obra, que, como já referi, deve estar concluída a 28 de Agosto.

“Equipa sénior vai ter muita gente nova e muita juventude”

E até lá onde vão decorrer os trabalhos das várias equipas?
A equipa sénior vai começar a trabalhar a 24 de Agosto, os Iniciados B começam a 18 e os Juvenis a 24 [ou seja há várias equipas a iniciar na semana de 18 a 24] mas a grande parte delas só começam no início de Setembro. De qualquer forma, convém referir que não vamos deixar a estrutura do Municipal. Antes pelo contrário queremos potenciá-la ainda mais.

O que nos pode adiantar em relação à equipa sénior?
Que o treinador é o Flávio Santos e que vai haver muita gente nova com testes médicos já feitos e mais gente ainda a chegar. Será uma equipa que vai sofrer muitas alterações e terá muita juventude. Mas, penso que vamos arrancar em força.

Para finalizar, diga-nos, como encontrou o clube?
Numa situação normal como acontece na maioria dos clubes. Muitas dívidas, pouco dinheiro e muita coisa para fazer. Mas, ainda assim, um clube organizado. Os problemas não assustam e vamos tentar resolvê-los para que quando nos formos embora já esteja um pouco melhor.   

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here