1.ª DIVISÃO AF SETÚBAL»» FABRIL 3 ALMADA 4



Lino, com um hat-trick, foi o protagonista do jogo…

“ALMADA SURPREENDE DESPORTIVO FABRIL EM PLENO ESTÁDIO ALFREDO DA SILVA”

O Almada obteve um dos resultados mais surpreendentes da 24.ª jornada do Campeonato Distrital da 1.ª Divisão com a vitória alcançada no Estádio Alfredo da Silva, sobre o Desportivo Fabril, por 4-3.

Numa semana em que viu o seu principal adversário [Banheirense] se distanciar em virtude de ter conquistado os três pontos no jogo que havia disputado precisamente com o Fabril, os almadenses jogavam uma cartada muito importante na luta pela fuga à despromoção e na verdade fizeram pela vida.

A equipa almadense abriu o activo aos seis minutos por Lino na cobrança de uma grande penalidade, aos 32 consentiu a igualdade fazendo um autogolo mas depois redimiu-se e foi para o intervalo a ganhar por 2-1, com outro golo de Lino marcado já em período de compensação para o intervalo (45+2’).


Na segunda parte o Almada voltou a entrar bem e aumentou para 3-1, desta vez com um golo de Neri.

O Desportivo Fabril reagiu e conseguiu chegar à igualdade com dois golos de Ruben Braga, um aos 70 minutos e outro aos 90+4. Pensava-se que o resultado estava feito mas de facto não foi bem assim porque dois minutos depois (90+6’) Lino carimbou a vitória almadense fazendo um hat-trick na partida.

Na classificação o Desportivo Fabril continua em 3.º lugar com 40 pontos, os mesmos que tem o FC Setúbal, e o Almada é o último da tabela com 13 pontos, menos um que o Banheirense que segue na posição imediatamente acima.

Na próxima jornada o Almada recebe o Grandolense e o Fabril desloca-se à Moita.





PAULO LOUREIRO, treinador adjunto do Almada:

“A vitória era uma coisa que procurávamos há muito tempo”

“Sabíamos do valor da equipa do Fabril e tentámos não dar muito espaço para eles poderem criar muitas situações de golo junto à nossa baliza para nós tentarmos sair em contra-ataque e com isso conseguimos ganhar uma grande penalidade convertida pelo Lino.

O Fabril, depois disso, começou a tentar fazer um jogo mais directo e numa dessas jogadas um jogador nosso ao tentar tirar a bola para canto fez um autogolo. Depois, já nos descontos da primeira parte ganhámos um livre onde o Lino apareceu sozinho a finalizar no segundo poste.

Na segunda parte o Fabril entrou muito bem no jogo mas nós numa jogada de contra-ataque fizemos o 3-1. Depois, recuámos um pouco no terreno e o Fabril tentou fazer muito jogo directo para dentro da nossa área mas nos estivemos muito bem a defender. Eles insistiram e conseguiram marcar numa dessas jogadas numa grande cabeçada. Nós como precisamos de pontos tentámos fechar mais ainda a nossa baliza mas já nos descontos, aos 90+3’,  consentimos o empate. Não desistimos e num lançamento de linha lateral a nosso favor conseguimos ganhar a primeira bola, o Lino aparece sozinho ao segundo poste e faz o quarto golo que nos deu a vitória.

Esta é uma vitória que procurávamos há muito tempo. Pelo que fizemos acho que foi inteiramente merecida porque conseguimos finalizar algumas das situações que tivemos, coisa que não tinha acontecido nas últimas jornadas. Agora é continuar a trabalhar para ver se conseguirmos ganhar mais pontos para sairmos da situação em que nos encontramos.

No que diz respeito à arbitragem quero dizer que eram 3 jovens árbitros que fizeram um bom trabalho, sem nenhuma interferência no resultado”.

Share on Google Plus