1.ª DIVISÃO DISTRITAL - ALMADA 3 PALMELENSE 3

Almadenses estiveram sempre em desvantagem

  O Almada não foi além de um empate na partida que disputou com o Palmelense no Campo do Pragal que se apresentou com um relvado muito irregular não permitiu que o jogo tivesse muita qualidade.

O resultado não deixa de ser surpreendente porque provavelmente muito poucos estariam à espera que tal pudesse vir a acontecer mas a grande verdade é que a equipa de Palmela andou sempre na frente no marcador. Portanto, há quer dar mérito ao adversário pela forma como abordou o jogo ao contrário dos almadenses que se apresentaram na primeira parte a jogar de forma muito lenta e algo distraída. Tanto assim que aos 10 minutos de jogo já perdiam por 0-1. A resposta ao golo da equipa visitante não foi a melhor mas ainda assim conseguiram igualar por volta da meia hora de jogo num livre cobrado por Cirilo. Cinco minutos depois, a equipa de Palmela voltou a adiantar-se no marcador e mesmo à saída para o intervalo a igualdade estava de novo restabelecida com o golo de Bruno Pais.

 Na segunda parte, ao contrário do que havia feito na primeira, a equipa almadense entrou muito bem no jogo na tentativa de se adiantar no marcador mas os seus jogadores mostraram-se com muita falta de pontaria, como foi o caso de Suelves (por três vezes), Mareco (por duas vezes, de cabeça) e Fábio Nunes. E, quem aproveitou foi o Palmelense que se colocou outra vez na frente do marcador, na sequência de uma jogada de contra-ataque. Apesar das substituições já estarem esgotadas, o Almada conseguiu finalmente colocar a equipa a jogar dando mais largura ao jogo e passado pouco tempo a partida estava de novo igualada. Depois disso, os almadenses queixam de duas grandes penalidades não assinaladas a seu favor; uma, por mão na bola de um jogador do Palmelense e outra por carga sobre Luís Costa. Já em período de compensação (90+3’) na cobrança de um livre indirecto, dentro da área, Nuno Cirilo desperdiçou a última oportunidade do jogo.

Os pontos perdidos em casa acabaram por não ter efeitos negativos para o Almada porque os seus adversários mais directos também empataram.

 Na próxima jornada, a equipa almadense desloca-se ao Campo de Brechão onde defronta o 1.º Maio Sarilhense que nesta jornada foi alcançar um surpreendente empate em Alcochete.

FICHA DO JOGO 

 Jogo no Campo do Pragal, em Almada
ÁRBITRO: Fernando Quendera (Pinhal Novo)

ALMADA: Pedro Cardoso; Bruno Pais, Marcos (Miguel Serafim, ao intervalo), Bruno Mareco, Paulo Costa; Ricardo Dinis, Luís Costa, Nuno Cirilo; Ruben Calado (Suelves, ao intervalo), Fábio Nunes e Paulo Gomes (Daniel Pires, 65’).
TREINADOR: Élio Santos

Ao intervalo: 2-2
Marcador: 0-1, aos 10’; 1-1, Cirilo (32’); 1-2, aos 37’; 2-2, Bruno Pais (44’); 2-3, aos 81’; 3-3, Fábio Nunes (87’)
Share on Google Plus