2.ª DIVISÃO DISTRITAL - CHARNECA CAPARICA 3 FARALHÃO 2

Alma e espírito de sacrifício foram as armas dos charnequenses

O Charneca de Caparica derrotou o Faralhão por três bolas a duas naquela que foi a sua segunda vitória consecutiva na competição.

Com os três pontos conquistados a equipa da Charneca de Caparica passou a somar 13, menos dois que do sexto classificado que garante o apuramento para a segunda fase.

Mas, não sendo de todo impossível, os charnequenses têm a noção que a tarefa se apresenta muito complicada porque na última jornada, a realizar já este domingo, vão defrontar uma das melhores equipas do campeonato, o Banheirense, em casa deste. Um milagre, é disso mesmo que os charnequenses estão à espera.

 No jogo com o Faralhão, quem entrou melhor foi o Charneca de Caparica que começou por criar logo de início duas boas oportunidades. Mas, à terceira foi de vez, conseguiu mesmo chegar ao golo numa boa jogada desenvolvida por Galo e Lima, com Churro a finalizar. O Faralhão reagiu, foi para cima do Charneca, ganhou alguns cantos e livres a acabou por chegar à igualdade precisamente num livre directo cobrado à entrada da área quando estavam decorridos 42 minutos.

 Na segunda parte, o Charneca de Caparica tentou colocar a bola no chão mas acabou por ir no jogo do adversário resultando daí um golo que lhe daria vantagem. Tiago Morais mexe na equipa que passou então a assumir o controlo total do jogo e conseguiu igualar com um excelente golo de Lima. A partida aproximava-se do fim e o Charneca não estava satisfeito com o resultado. Continuou a lutar e acabou por ser premiado com o golo da vitória marcado na conversão de um castigo máximo, por Lima, a punir falta de um adversário sobre Rafa.

 FICHA DO JOGO 

Jogo no Campo do Cassapo, na Charneca de Caparica
ÁRBITRO: Tatiana Martins (Almada / Seixal)

CHARNECA CAPARICA: Contra; Zé, Santana, Cruz (Flora, 84’), Job; Nery, Samuel, Lima, Rafa; Galo e Churro (Cláudio, 90’).
TREINADOR: Tiago Morais

Ao intervalo: 1-1
Marcadores: 1-0, Churro (21’); 1-1, aos 42’; 1-2, aos 64’; 2-2, Lima; 3-2, Lima gp.
Share on Google Plus