TRAFARIA »» Treinador fala em projecto ambicioso - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

23 de outubro de 2019

TRAFARIA »» Treinador fala em projecto ambicioso




Com jovens sub-23...


“COLOCAR O CLUBE A MÉDIO PRAZO EM PATAMARES DESPORTIVOS SUPERIORES” 

Depois do bom trabalho realizado nos escalões de formação Dinis Rosa entende que chegou a altura de mostrar a sua qualidade no futebol sénior e aceitou o desafio do Trafaria que lhe apresentou um projecto com o qual se identifica perfeitamente.


“O convite surgiu com a época desportiva já em andamento para a esmagadora maioria dos clubes da Associação de Futebol Setúbal”, começou por dizer o treinador ao nosso jornal, adiantando depois que foi contactado nesse sentido pelo director desportivo, Wilson Lima.

“Disse-me que tinha boas indicações minhas que haviam sido dadas pelo coordenador do futebol formação do Amora Futebol Clube, Bruno Caires, com quem tive o privilégio de trabalhar vários anos. Disse que o meu perfil de treinador se enquadrava no projecto que estavam a idealizar para a equipa sénior do clube. Foi assim que tudo começou”, referiu.

Depois de nos últimos anos ter orientado equipas nos diversos escalões de formação, de ter sido três vezes campeão distrital nas categorias de Iniciados, Juvenis e Juniores, de ter sido também vice-campeão distrital por uma vez e de ter feito uma boa campanha no Campeonato Nacional de Juniores, chegou a altura de desenvolver o seu trabalho no futebol sénior.

“A identificação com o projecto apresentado pelo Trafaria, foi algo que me sensibilizou e me motivou a aceitar o desafio. O objectivo passa por apostar em jogadores jovens, sub-23 e colocar a médio prazo o clube em patamares desportivos superiores, comparativamente àqueles que apresenta actualmente. E, quem sabe, num espaço de 4/5 anos colocar o Trafaria de novo no caminho dos campeonatos nacionais”.


A equipa não participou na Taça AF Setúbal e estreou-se no campeonato com poucas semanas de trabalho mas, mesmo assim, obteve um resultado positivo no primeiro jogo do campeonato.

Quando disputámos o jogo com o Alcacerense tínhamos apenas nove sessões de treino e dois jogos-treino realizados, um contra uma equipa do Inatel e outro contra uma equipa da 1.ª Divisão Distrital. Batemo-nos bem contra uma excelente equipa que tem pretensões à subida de divisão. A equipa demonstrou uma grande entreajuda e um espirito de sacrifício espantoso, seguindo também à risca o plano que tínhamos para este jogo e o resultado final até poderia ter sido ainda melhor. Para ficarem com uma ideia do nosso plantel, direi que o nosso atleta mais velho em campo tinha 25 anos, sendo os restantes seniores de primeiro e segundo ano e outros ainda juniores. Este conjunto de factores deixou-me muito satisfeito”.


Quanto a objectivos, Dinis Rosa é claro e objectivo. “Passam por criar uma base sólida de trabalho que suporte os objectivos dos anos vindouros, fazer um campeonato digno honrando sempre a longa história de um clube como o Trafaria. E também, como é óbvio, desenvolver o potencial destes jovens atletas, num escalão em que estão a dar os seus primeiros passos mas sempre com vontade de disputar todos os jogos para vencer”.

Por fim, Dinis Rosa fez questão de deixar “os agradecimentos” à sua equipa técnica que inclui o Desidério Pascoal e o Carlos Faria. Assim como ao massagista Fernando “por todo o empenho demostrado” e “ressalvar o apoio e o esforço demonstrado pelo presidente Nuno Henrique Santos, pelo director desportivo Wilson Lima e restantes elementos da estrutura directiva que mais de perto têm trabalho connosco”.

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here