MONTE DE CAPARICA»» Steve Almeida deixou de ser o treinador - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

23 de novembro de 2019

MONTE DE CAPARICA»» Steve Almeida deixou de ser o treinador

Técnico saiu por divergências com a direcção…

“FAZIA DE TUDO UM POUCO PORQUE NÃO HAVIA NINGUÉM PARA TRATAR DAS COISAS”


Treinador demitiu-se após reunião com o presidente e já não orientou o treino de sexta-feira. Em causa estão as relações com dois dirigentes do clube que criavam um clima negativo junto da equipa técnica e jogadores. Steve Almeida diz que sai triste mas sem um grande peso nas costas…


Steve Almeida deixou de ser treinador do Monte de Caparica. A  decisão foi tomada ao princípio da noite de sexta-feira por divergências com a direcção e já não orientou o treino que estava marcado para ultimar os preparativos para o jogo do próximo domingo com o Brejos de Azeitão.

Mas o que se passou concretamente. Steve Almeida diz que “tudo começou no início da época quando foi para formar o plantel. A direcção quis mandar 6 jogadores embora porque dizia que eles traziam adeptos conflituosos, e isso seria a solução. Queriam fazer um plantel para subir de divisão mas baixaram os prémios de jogo e alguns jogadores, com mais influência do plantel, acabaram por ir embora, também pelo facto de a direcção ter mandado os 6 jogadores embora”.


E, de seguida acrescentou que “durante este ano o Monte Caparica nunca teve pessoas para trabalhar na equipa sénior. O Presidente foi buscar duas pessoas que estavam no Trafaria, para serem vice-presidente e directora do clube, pessoas que no ano passado falavam mal do clube. Essas pessoas este ano andaram o tempo todo a falar mal da equipa técnica e dos jogadores. Numa reunião hoje (sexta-feira) com o presidente pedi para que essas duas pessoas fossem afastadas da equipa sénior para que os jogadores e equipa técnica trabalhassem com ar puro e sem o clima negativo vindo da parte dessas pessoas. O presidente preferiu ficar com eles, e eu demiti-me do cargo de treinador por não estar em sintonia e não haver condições para continuar à frente da equipa"

Steve Almeida adiantou ao nosso jornal que sai “triste e com menos um grande peso nas costas, porque no Monte Caparica fazia de tudo um pouco, era treinador, director, roupeiro, director desportivo. Fazia tudo, porque não havia ninguém para tratar das coisas. Triste porque trabalhava com uma grande equipa técnica que confiava a 100%. Tinha um conjunto de jogadores que treinavam 3 vezes por semana como profissionais e que no final do mês ganhavam 10€ de ordenado. Mas a vida continua e de certeza que irão aparecer novos desafios no futuro”.

Estando neste momento sem clube, Steve Almeida mostra-se “disponível para abraçar um novo projecto desde que tenha as condições mínimas e, onde possa simplesmente ser só treinador, e não a exercer também outras funções como andava a desempenhar neste clube”.

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here