PESCADORES»» Nuno Ferreira e o jogo com o Zambujalense

Golo da vitória surgiu apenas aos 90+4’…

SOMOS UMA EQUIPA QUE GOSTA DE TER BOLA DO MEIO CAMPO PARA A FRENTE E ESTE DOMINGO NÃO FOMOS MUITO COMPETENTES”

“Sabíamos que o jogo não seria fácil. Já havíamos defrontado o Zambujalense na 1.ª jornada da taça e reconhecíamos a qualidade do nosso adversário que estava a apenas um ponto da nossa equipa, na tabela classificativa".

"Entrámos fortes no jogo e preocupados em não deixar o adversário chegar com qualidade ao último terço. Nem sempre o conseguimos fazer e fomos permeáveis em alguns momentos, permitindo uma ou duas oportunidades de golo ao Zambujalense na 1.ª parte. Contrastando com uma posse quase constante da nossa equipa, privilegiando o ataque organizado, mas não conseguindo materializar a superioridade que demonstrávamos".

"Na 2.ª parte, procurámos alterar a nossa estrutura, mantendo a organização e superioridade que detínhamos do primeiro tempo. Conseguimos converter essa mesma superioridade em golo (59’), mas não viríamos a ser capazes de manter essa mesma supremacia, acabando por ceder um golo ao Zambujalense (70’), devido a um erro defensivo nosso".


"A partir desse momento, começámos a jogar mais com alma e coração, fragilizando a nossa linha defensiva e acabámos por ter a sorte do jogo aos 94’, finalizando um livre com origem na zona do meio campo".

"Em alguns momentos mostrámos o porquê de querermos andar nos lugares cimeiros. No entanto, este foi, claramente, o nosso jogo menos conseguido. Somos uma equipa que sabe e gosta de ter bola do meio campo para a frente e este domingo não demonstrámos a competência que nos é habitual nesse espaço do terreno. Com certeza chegaremos mais fortes e empenhados no próximo domingo, aquando da visita ao líder do campeonato”.

Share on Google Plus