JUNIORES»» Benfica 4 Belenenses 0

Atirou ainda quatro bolas ao ferro…

ÁGUIA IMPARÁVEL CONFIRMA ESTATUTO DE LÍDER

O Benfica venceu o Belenenses em jogo antecipado da 8.ª jornada onde confirmou o seu estatuto de líder e mostrou as potencialidades do seu futebol ofensivo com a marcação de quatro golos e quatro bolas enviadas ao ferro da baliza adversária.

Entrando deliberadamente ao ataque, as águias criaram a primeira situação de perigo logo aos dois minutos num cabeceamento de Jeremy Sarmiento, após cruzamento de Guilherme Montoia. Aos seis minutos voltou a ameaçar desta vez por Rajmund Molnár, húngaro que jogou pela primeira vez com a camisola encarnada e, aos 10 minutos, colocou-se em vantagem com um golo de Filipe Cruz, na cobrança de um livre directo.


O Belenenses tentou reagir mas o Benfica continuava na mó de cima e aos 21 minutos viu um remate de Diogo Nascimento tirar tinta à baliza adversária. Entretanto, numa das suas acções ofensivas a equipa de Belém esteve muito perto do empate mas Diogo Costa na pequena área atirou para as nuvens.

Depois deste pequeno susto as águias foram de novo para a frente e aos 35 minutos fizeram o 2-0 por Martim Neto, na recarga a uma bola atirada ao poste por Gerson.

Aos 50 minutos Montoia atirou um petardo ao poste e nos minutos seguintes Alexandre Penetra (54’) e Adrin Bajrami (59’) fecharam a contagem, carimbando assim a oitava vitória das águias que seguem isoladas no comando da tabela classificativa, com larga vantagem sobre os mais directos perseguidores.

De referir que Henrique Araújo, pouco depois de ter entrado a substituir Rajmund Molnár, também atirou ao ferro da baliza adversária.

 

TREINADORES:

Luís Araújo  (Benfica): “Vitória justa com uma exibição muito competente em todos os aspectos. Fizemos grandes golos, grandes jogadas e grandes remates à barra da baliza adversária”. 

João Santos (Belenenses): “Houve alguns momentos do jogo em que não fomos felizes mas não há qualquer discussão em relação à vitória do Benfica”.


FICHA DO JOGO

Jogo no Benfica Futebol Campus, no Seixal
ÁRBITRO: Paulo Barradas (Setúbal), auxiliado por André Duque e Joaquim Gato

BENFICA:  Pedro Souza; Filipe Cruz (Renato Matos, 79’), Alexandre Penetra, Adrian  Bajrami, Guilherme Montoia; Francisco Saldanha, Martim Neto (Gabriel Araújo 74’), Diogo Nascimento (Francisco Domingues 74’); Jeremy Sarmiento (Henrique Pereira 63’), Gerson Souza e Rajmund Molnár (Henrique Araújo 63’).
Treinador: Luís Araújo 

BELENENSES: Francisco Lemos; Filipe Pereira, Martim Malaquias,  Tomás Mendes, Eduardo Monteiro (André Lopes, 79’); Tomás Gutierres (Diogo Soares, 61’), Rodrigo Ramos (Fábio Moreira, 61’), Braima Sambu; Dilan Pussick, Leandro Gonçalves (Francico Tilli, 61’) e Diogo Costa (Carlos Fernandes, 74’).
Treinador: João Santos

Ao intervalo: 2-0

Marcadores: 1-0, Filipe Cruz (10’);  2-0, Martim Neto (35’); 3-0, Alexandre Penetra (54’); 4-0, Adrian Bajrami (59’);

Disciplina: Cartão amarelo para Tomás Gutierres (40’). 

Share on Google Plus