BREJOS DE AZEITÃO»» Equipa sensação neste início de época



Os objectivos estão bem definidos...

"QUEREMOS FAZER PARTE DO LOTE DE CANDIDATOS À SUBIDA DE DIVISÃO"

Lívio Semedo que já tem no seu curriculum nove títulos quer chegar ao décimo mas reconhece que a tarefa não é fácil porque há outras equipas com o mesmo objectivo, nomeadamente o Alcacerense, Seixal, Samouquense e Águas de Moura.



O Brejos de Azeitão está a ter um excelente início de época, com duas vitórias nos dois jogos que efectuou para a Taça AF Setúbal, sendo um deles na Baixa da Banheira e o outro, no passado fim-de-semana, em casa, contra o U. Santiago, equipa do escalão superior.

Foi um jogo que nos correu muito bem. Fomos para o intervalo a perder por 1-0 e com menos um jogador em campo. Depois, mesmo com 10 jogadores conseguimos chegar ao 2-1, o U. Santiago virou o resultado para 3-2 mas nós na parte final demos de novo a volta e acabámos por ganhar por 4-3. Facto só possível devido à aplicação do plantel nos treinos e também à qualidade dos jovens que temos, alguns dos quais no âmbito de um protocolo que estabelecemos com o Amora”, disse ao nosso jornal o professor Lívio Semedo, um dos treinadores mais qualificado da nossa praça, que vai já no seu 17.º clube.


O convite surgiu na sequência da saída do João Gomes que, apesar do bom trabalho realizado, resolveu abdicar do cargo para ficar a coordenar a formação do clube, deixou-me uma herança pesada mas estou muito satisfeito. Quando falámos pela primeira vez criou-se logo uma sintonia entre aquilo que eles queriam e aquilo que eu desejava e as coisas estão a correr bem. Vamos para a quinta semana de trabalho e estamos satisfeitos porque temos um plantel com muita qualidade e muita gente com ambição “, realçou Lívio Semedo.

Inserido na Série F, a única composta por seis clubes, o Brejos de Azeitão está a competir com três equipas do seu escalão e com duas da divisão superior mas este início de época não podia estar a correr melhor. 

É verdade. Mas será importante dizer o calendário é para nós um pouco complicado dado que dos cinco jogos a realizar três são fora de casa e os outros dois no nosso campo são contra equipas da 1.ª Divisão (U. Santiago e Grandolense). Não estamos num grupo fácil porque o Alcacerense foi o terceiro classificado da época anterior e o Seixal, que foi quarto, é presentemente um dos principais candidatos à subida de divisão, pela forma como se organizou e pelo plantel que tem. E, o Banheirense pelo facto de ter vindo da primeira divisão é sempre um adversário a ter em conta. Começámos bem é verdade, estamos satisfeitos por isso”, referiu.


Objectivos para a taça e campeonato

Interrogado sobre os objectivos do clube para esta época desportiva, Lívio Semedo, não escondeu o jogo.

Na taça entrámos com dois objectivos. Como começámos a trabalhar um pouco tarde, pensámos em dar competição aos jogadores e prepará-los para o campeonato, mas sempre com o objectivo de ir o mais longe possível. Eu já consegui ir a uma final da taça a treinar uma equipa da 2.ª Divisão. Portanto, nada é impossível. Quanto ao campeonato a ideia passa por disputar sempre jogo a jogo e entrar na luta por uma eventual subida de divisão sabendo que há outras equipas com fortes argumentos e que existe um lote de quatro ou cinco candidatos, Alcacerense, Seixal, Samouquense e Águas de Moura. Nós também queremos entrar nesse lote”.

No seu curriculum, Lívio Semedo, conta já com nove títulos e a esperança na realização de uma boa temporada leva-o a pensar na possibilidade de alcançar mais um. “Vou tentar chegar ao 10.º título sabendo que vai ser muito difícil e que há muitas coisas que temos de trabalhar e aperfeiçoar. Como ficou demonstrado no jogo com o U. Santiago o plantel está forte, unido e estamos todos empenhados em levar o barco a bom porto”.


Plantel limitado

No próximo domingo o Brejos de Azeitão desloca-se a Alcácer do Sal com um plantel algo limitado. De 24 jogadores estão disponíveis apenas 16 mas, tendo em conta que houve uma expulsão no passado domingo, o número fica reduzido a 15, mas o treinador desvaloriza a situação.

Vamos com os que temos mas com o objectivo de alcançar um bom resultado. Vai ser um jogo difícil porque adversário joga se calhar a última hipótese de ficar apurado para a fase seguinte da competição e porque nos dois jogos que fez terminou sempre a primeira parte em vantagem, embora no final tenha perdido. Aconteceu no jogo com o Seixal em que esteva a ganhar por 2-0 e com o Grandolense que também esteve a vencer por 1-0. Mas, apesar das dificuldades esperamos fazer mais um bom jogo”, perspectivou Lívio Semedo.



Share on Google Plus