CAMPEONATO DE PORTUGAL»» SINTRA FOOTBALL 1 AMORA 1

Amora sente-se injustiçado…

PENALTI MUITO DUVIDOSO NO ÚLTIMO LANCE DO JOGO NÃO PERMITIU A CONQUISTA DA VITÓRIA

Na sua deslocação ao Estádio Municipal Mário Wilson, em Oeiras, onde defrontou o Sintra Football, o Amora não conseguiu melhor que um empate num jogo em que merecia ter ganho porque foi superior ao adversário e também porque sofreu o golo da igualdade num penalti que terá deixado muitas dúvidas, no último lance do encontro, com o árbitro a dar de imediato o jogo por terminado, perante grande descontentamento dos amorenses que se sentiram espoliados da vitória.


O Amora, que estreava nesta partida um novo jogador, Muacir, ponta-de-lança contratado ao Pedras Salgadas da Série A do Campeonato de Portugal, entrou em campo com o pensamento na vitória e até foi para o intervalo a ganhar por 1-0 com o golo a ser marcado precisamente pelo novo reforço, num cabeceamento perfeito após cruzamento feito do lado direito do seu ataque, por Joca, aos 44 minutos.

Na segunda parte o Sintra Football foi à procura do empate mas o Amora sempre com o jogo controlado ia também criando algumas oportunidades que não conseguiu concretizar, até que no último minuto da compensação surgiu o tal penalti que possibilitou o empate.

No próximo domingo, às 15 horas, o Amora recebe o Aljustrelense no Estádio da Medideira. 


FICHA DE JOGO


Jogo no Estádio Mário Wilson, em Oeiras
ÁRBITRO: Rui Mendes (Santarém)


SINTRA FC: Filipe Leão; Filipe Gaspar, Luís Marcelino, Marco Gomes, Diogo Duque (Hugo Santos, 73’); Hélder Martins, Horácio Jau, Nuno Sá (Tino Santos, 63'); André Soares (Jailson, 80’), Joshuá e Diogo Lamas.
Treinador: Rui Santos

AMORA: Cléber; Saraiva, Roberto, Tiago Duque, Rúben Freire; Geraldo, Pedro Dias (Rafa, 45'), Leo Tomé; Joca, Mauro (Alisson, 80’) e Muacir (Varela, 63').
Treinador: Pedro Russiano.

Treinador: Pedro Russiano

Ao intervalo: 0-1

Marcadores: 0-1, Muacir (44’); 1-1, Diogo Lamas (90+6')

Disciplina: Cartão amarelo para Joca (27′), Pedro Dias, (36′), Roberto (55'), Diogo Lamas (60'), Varela (75'), Horácio Jau (75'). Vermelho para Tino Santos (90+4'). 


Share on Google Plus