CAMPEONATO DE PORTUGAL» OLÍMPICO 3 CASA PIA 2


Olímpico ganhava ao intervalo por 3-0…

DOS CONTORNOS DE GOLEADA AO ESPECTRO DO EMPATE



No Campo da Liberdade, no Montijo, jogava-se o “jogo da jornada” que correspondeu plenamente ao que dele se esperava. O Olímpico do Montijo com uma exibição muito bem conseguida foi para o intervalo a vencer por 3-0 e com mais um jogador em campo devido à expulsão de Roncatto, aos 39 minutos.

Beto, que bisou na partida, abriu o activo aos sete minutos concluindo da melhor forma um cruzamento efectuado do lado esquerdo, depois foi Hélio Roque de grande penalidade a fazer o 2-0 quando estavam decorridos 23 minutos e aos 36 surgiu o terceiro golo, que foi o segundo da conta pessoal de Beto. Logo a seguir Roncato é expulso e as coisas tornaram-se muito complicadas para os casapianos.

Na segunda parte o Olímpico teve oportunidade para dilatar a vantagem mas não conseguiu e o Casa Pia, que jogava em inferioridade numérica, no espaço de dois minutos reduz para 3-2, por Andrezinho (60’) e Kikas (62’). 

A equipa montijense acusou pela negativa os golos e ficou algo nervosa, depois viu-se também privada de um jogador por expulsão de Bruno Jesus (80’) mas conseguiu segurar a vantagem que lhe permitiu conquistar a vitória num jogo que começou a ganhar contornos de goleada e acabou muito perto do empate.


Na próxima jornada o Olímpico do Montijo desloca-se ao Algarve para defrontar o Olhanense.


DAVID MARTINS, treinador do Olímpico do Montijo...


Share on Google Plus