RICARDO CRAVO»» Novo treinador do SC Guadalupe (Açores)


Técnico fala do seu novo projecto…
“FUI CONTRATADO PARA EVITAR A DESCIDA DE DIVISÃO”
Ricardo Cravo, que começou esta época no Pinhalnovense, acaba de assumir o comando técnico do Sporting Clube de Guadalupe que participa no Campeonato dos Açores.
A equipa da Ilha Graciosa, que apostou na subida de divisão, não conseguiu o objectivo e por essa razão vai disputar agora a fase da manutenção e descidas.
Ricardo Cravo não vai ter tarefa fácil nesta sua nova missão mas está convicto que tudo vai correr de feição porque o clube tem todas as condições para isso.
Na conversa que mantivemos Ricardo Cravo disse que depois das três abordagens que teve para treinar outros clubes, “na terça-feira não hesitei. Fui abordado pelo presidente e pelo director desportivo do Sporting Clube Guadalupe e em duas horas tudo ficou decidido”.    
“O clube tem um bom campo, as condições que proporciona aos jogadores e treinadores são boas, desde a alimentação à parte logística, estou muito satisfeito. As pessoas contrataram-me para evitar a descida de divisão, é com esse objectivo que vamos trabalhar”.

“No início da época os objectivos eram outros mas não foram concretizados e agora vamos disputar a fase da manutenção que começa no dia 9 de Março e cujo sorteio se realiza esta sexta-feira em Ponta Delgada. Espero que tudo corra bem porque o clube quer voltar ao Campeonato de Portugal dentro de dois anos”.
Ricardo Cravo está consciente das dificuldades que vai encontrar mas ao mesmo tempo confiante no trabalho que vai desempenhar. “Já passei por situações semelhantes noutros clubes e também em projectos de subida. Por isso, vamos trabalhar de forma séria e honesta para que tudo corra da forma como desejamos e, se possível, reforçar a equipa com alguns jogadores que poderão chegar dos distritos de Setúbal e Lisboa”.
O contrato estabelecido entre Ricardo Cravo e o Sporting Clube de Guadalupe é válido apenas até ao final da época mas não está excluída a hipótese da sua continuidade nos Açores se for esse o desejo de ambas as partes.

Share on Google Plus