CHARNECA DE CAPARICA»» Entrevista ao presidente do clube

 
José Manuel Santos já por diversas vezes lhe apeteceu bater com a porta…


“DECIDI NÃO COMENTAR MAIS OS ERROS DE ARBITRAGEM PARA NÃO FRAGILIZAR AINDA MAIS AQUELA CLASSE"

José Manuel Santos que se encontra há alguns anos na liderança do Charneca de Caparica Futebol Clube concedeu uma entrevista ao nosso jornal onde foram abordados vários assuntos relacionados com o actual momento do clube.

O presidente fala dos “azares” que a equipa de futebol sénior tem tido em alguns jogos, dos escalões de formação, da ajuda que recebeu da CM Almada para a nova iluminação, da necessidade de mais espaço para jogos e treinos, da vontade de ter uma equipa feminina de futebol, do processo de certificação e da decisão de não comentar mais os erros de arbitragem para não fragilizar mais aquela classe.


Alguns “azares” em certos jogos

- Em termos desportivos, no que respeita ao futebol sénior, esta época não está a ser famosa para o Charneca. Há alguma razão especial para que isto esteja a acontecer?
- Nada de especial temos tido alguns azares e muitas lesões, temos jogadores que entraram na equipa titular e ainda não fizeram um jogo devido às suas lesões, depois alguns “azares” em certos jogos que não nos foi permitido pontuar, mas com certeza que vamos superar esta fase, temos um excelente plantel e uma equipa técnica competente.

- Como estamos no final da primeira volta, pergunto-lhe, como prespectiva a segunda. O objetivo passa certamente por melhorar a sua posição na tabela classificativa?
- Sem dúvida, no início da época tínhamos o objectivo na Taça, mas não superamos a fase de grupos pelo motivo que acima mencionei, mas estamos tranquilos, quanto à nossa posição vamos subir algumas posições, e recuperar aquilo que já nos habituamos, sermos a melhor equipa do concelho.

- Em relação aos outros escalões qual a análise que se pode fazer neste momento?
- Na área de formação temos técnicos de elevada competência que nos permite realizar um bom trabalho, á qual só nos falta o espaço pretendido e reivindicado às entidades competentes, temos os Juniores e Juvenis B, cujo objectivo é a subida, Iniciados A e Juvenis A estamos dentro dos objectivos que passa pela manutenção e num futuro próximo subir com uma destas equipas aos Campeonatos Nacionais.

Nova iluminação (leds)

- O clube comemorou recentemente mais um aniversário. Recebeu algumas das prendas que gostava?
- A melhor prenda que recebemos foi no passado mês de Dezembro, uma ajuda financeira da Câmara Municipal de Almada para a colocação da iluminação (leds) no nosso recinto desportivo os quais vão ser colocados já na próxima semana e que vão dar outra qualidade aos treinos.


- Devido à dimensão que já atingiu e ao elevado número de atletas o clube tem vindo a reclamar novas infraestruturas. Tem havido alguns desenvolvimentos nesse sentido?
- Sim, claro, já tivemos algumas reuniões com os responsáveis pelo desporto, quer da de Câmara Municipal de Almada quer da Junta de Freguesia e estamos a trabalhar para que a curto prazo consigamos o espaço de treinos e jogos que tanto ambicionamos. Eu acredito.

- Depois de ter aderido ao futebol de praia o clube manifestou também o desejo de ter futebol feminino. Ainda está nos vossos horizontes essa  ideia?
- Claro é um do nossos grandes objectivos a criação de uma escola de formação feminina, mas para tal acontecer temos de ter outras infra-estruturas, uma vez que as existentes não nos permitem concretizar este desejo, mas acredito que esteja para breve.

Processo de utilidade pública

- Como classifica o clube no panorama desportivo do concelho?
- O Charneca de Caparica Futebol Clube continua a incrementar uma enérgica actividade na área desportiva, espelhada na prática do futebol, somos reconhecidos em todo o distrito de Setúbal pelo nosso empenho e dedicação. Submetemos o processo de utilidade pública, a nossa missão é CCFC. Captar, comunicar, formar e conquistar. O CCFC está no processo de certificação com 75 pontos, este processo obrigou-nos a mudar toda a nossa estrutura, estamos a trabalhar de forma diferente e mais profissional.


Os erros de arbitragem

- Quer acrescentar algo mais ao que foi dito?
- Já por diversas vezes me apeteceu bater com a porta, mas não o posso fazer, como é óbvio. Decidi não comentar mais os erros de arbitragem pois não adianta nada e só vai fragilizar aquela classe, mas infelizmente nem todos os responsáveis fazem o mesmo.
Sinto que existe um certo amor/inveja do CCFC por parte de alguns clubes, sinto isso pela forma em que algumas vezes somos tratados, sabemos que grande parte dos clubes estão debilitados por administrações danosas, alguns estão a tentar imergir mas com muita dificuldade, o CCFC estará sempre disponível para colaborar com todos através de diálogo e comunicação, já nos basta os erros cometidos no passado.
Para terminar um grande obrigado à minha direcção, (corpos sociais do CCFC). Obrigado aos colaboradores e técnicos do clube. Obrigado aos atletas, pais e familiares pelo seu envolvimento, sem vocês nada seria possível.

Share on Google Plus