U. SANTIAGO»» Álvaro Mendes acredita numa boa temporada

O U. Santiago vai com certeza lutar pelos lugares cimeiros…

“QUEM CONHECE O U. SANTIAGO E ME CONHECE A MIM SABE QUE GOSTAMOS DE TER EQUIPAS COMPETITIVAS”

O início desta época foi um pouco atribulado para o U. Santiago que de um momento para o outro ficou sem treinador e alguns jogadores que se haviam comprometido com o clube. Perante esta situação, o clube não perdeu tempo, encetou conversações e rapidamente chegou a acordo com Álvaro Mendes que havia realizado bom trabalho em Santiago, na época de 2016/2107.

A sua missão, como é óbvio, não tem sido fácil mas, a pouco e pouco, as coisas foram-se compondo e a equipa neste momento está minimamente preparada para a recepção ao Grandolense, no próximo domingo, em jogo a contar para a Taça AF Setúbal.

Em entrevista ao nosso jornal Álvaro Mendes falou do seu regresso a Santiago do Cacém, das dificuldades encontradas e dos objectivos para a nova época.


“Luta contra o tempo”

Como está a ser este seu regresso a Santiago do Cacém?
Está a ser um pouco complicado pelo facto de ter tido uma chegada tardia e de alguns jogadores que abandonaram depois de já se terem comprometido com o clube, tal como aconteceu com o anterior treinador. Portanto, houve alguma razia e ficámos com um plantel muito limitado. Tivemos jogadores à experiência na maioria dos casos vindos de clubes da 2.ª divisão e temos vindo a repor o plantel a conta-gotas. Tem sido uma luta contra o tempo e a poucos dias do jogo com o Grandolense tenho muitas dúvidas em relação aos jogadores com quem podemos contar. A direcção está a fazer um grande esforço para encontrar soluções. Estou convencido que dentro de uma ou duas semanas já vamos ter o plantel composto e devidamente preparado para abordar quer a Taça quer o Campeonato.  

Quer então dizer que neste momento o plantel é ainda escasso?
Diria que sim. Neste momento, é escasso, há muita juventude, jogadores que nunca jogaram futebol a sério e outros que vieram da 2.ª distrital. Houve também jogadores que haviam abandonado e que eu convenci a regressarem, a questão do trabalho por turnos e a demora na chegada do certificado internacional de dois ou três atletas. Perante esta situação, direi que não sei se teremos 18 jogadores disponíveis para domingo.

Com o tempo certamente a tendência é para melhorar?
O projecto do U. Santiago para esta época passa por ter um plantel com 15, 16 ou 17 jogadores muito competitivos e depois mais cinco ou seis vindos da formação que iremos preparar para o futuro. Quando tivermos tudo resolvido vamos ficar com uma equipa capaz de abordar todos os jogos para ganhar.


“Gosto de ter equipas competitivas”

O que se pode esperar do U. Santiago esta época?
O que a direcção me pediu foi fazer um bom campeonato. Mas quem conhece o U. Santiago e me conhece a mim sabe que gostamos de ter equipas competitivas. O U. Santiago vai com certeza lutar pelos lugares cimeiros, é esse o meu objectivo, não sei jogar de outra maneira. Quando tivermos tudo normalizado vamos ter uma equipa capaz de incomodar aqueles que teoricamente são os candidatos.

E, quem são eles?
Não vou referir nomes, todo a gente sabe que há clubes com maior capacidade financeira que conseguem ter os melhores jogadores. Em teoria estes são mais fortes que os outros. Não foi por acaso que o melhor marcador e dois os principais jogadores do nosso meio-campo se foram embora. Depois há também que ter em conta a questão da continuidade e aqui nós estamos em desvantagem porque temos apenas três ou quatro que transitam da época anterior, como se viu no jogo de preparação que disputámos com o Moura.


Plantel


Até ao momento, os jogadores que fazem parte do plantel são os seguintes:

GUARDA-REDES: João Correia

DEFESAS: Edmilson, Couto, Budu

MÉDIOS: Simão, Jefri, Advino, Henrique Gonçalves (ex-júnior), David Encarnação (ex-Santo André), José Baião (ex-Juv. Cercalense)

AVANÇADOS: João Raposo, Tiago Lopes, Rodrigo Feliciano, Maycon, João Monteiro (ex-Barreirense), Ruan Carlos (ex-Santo André), Eric Prazeres, ex-Caldelas (AFBraga). 

Share on Google Plus