FUTEBOL»» Equipa das Cabanas goleia FC Desportivo Lausanne

Com um hat-trick de Diogo Lagarto...

Botafogo faz história ao vencer equipa Suíça

O Botafogo Futebol Clube, popular colectividade das Cabanas (Palmela), que se encontra a disputar a Taça Fundação Inatel acaba de preencher mais uma página da sua história ao golear por 6-0 o FC Desportivo Lausanne, equipa da 4.ª Divisão Regional da Suíça que se encontra a estagiar em Portugal.

O jogo, que foi o primeiro do Botafogo contra uma equipa estrangeira, realizou-se no Campo da Madalena, no Rosário (Moita), local onde decorre o estágio, correu de forma bastante satisfatória para a equipa das Cabanas que terá deixado impressionados os elementos da comitiva suíça. Diogo Lagarto (com um hat-trick), Miguel Ferreira, Ângelo Brito e Paulo Campos foram os marcadores dos golos do Botafogo.


Aproveitando a ocasião, o JORNAL DE DESPORTO falou com o presidente do Botafogo, Miguel dos Santos:

"É hora de encher o Campo do Botafogo nos jogos em casa"

O Botafogo realizou um jogo de preparação com uma equipa suíça. Como é que surgiu esta possibilidade?
A equipa suíça está em Portugal a fazer estágio devido à paragem do seu campeonato por causa do mau tempo que se faz sentir naquele país, nomeadamente por causa da neve. O nosso treinador Jorge Fernández, conhece alguém da equipa suíça e com os seus conhecimentos conseguiu este jogo que foi realizado contra um misto de jogadores da equipa A e B do FC Desportivo Lausanne.

E o jogo correu de feição ao Botafogo. Como é que os suíços reagiram à goleada sofrida?
Sabendo eles que nós não pertencemos a uma competição da Federação Portuguesa de Futebol entraram no jogo como se ele já estivesse ganho e o Botafogo com as suas armas soube tirar partido disso fazendo o seu jogo. Desta forma, surgiu o primeiro golo, depois o segundo, os suíços enervaram-se e o Botafogo aproveitou para dilatar o marcador.

Nesta época desportiva, no regresso do futebol sénior, muitas coisas boas têm acontecido ao Botafogo, desde a saída de um jogador para o estrangeiro ao apuramento da equipa para a segunda fase do campeonato...
De facto, assim é. O nosso objectivo era passar à segunda e isso está conseguido. Agora, o que vier será por acréscimo. Mas, uma coisa é certa, nenhuma equipa jogará fácil contra o Botafogo porque tenho a sorte de ter um excelente treinador. Ainda tenho dois anos de mandato como presidente e este será sempre o meu treinador, esteja eu quantos anos estiver à frente do clube. Tenho a equipa mais jovem do INATEL, a nível nacional, mas também tenho a certeza que nenhuma outra equipa treina como nós, porque vivemos o clube de forma intensa. Não é difícil gostar deste clube. Temos jovens que estudam e trabalham mas que ao mesmo tempo se esforçam e dão tudo o que podem nos treinos para jogar num pelado e no Campeonato do INATEL. Sabemos que há equipas com melhores condições de trabalho, que treinam e jogam em sintéticos ou relvados naturais, que já desistiram e outras que não foram apuradas para a segunda fase. Por isso, só tenho que enaltecer os meus jogadores. É preciso esta malta gostar muito disto e do que faz. Por eles já chorei quando os vi dar tudo em campo e serem prejudicados como foram em dois jogos. Por eles chorei, por eles vou chorar, mas sei que tenho uma equipa que faz tudo para ganhar.

Que mais quer dizer nesta altura?
Só quero dizer às pessoas da terra que é hora de encher o Campo do Botafogo nos jogos em casa. Os jogadores merecem e o trabalho deste treinador também merece ser reconhecido.
Share on Google Plus