INICIADOS»» Jogador do Paio Pires suspenso preventivamente

Conselho de Disciplina da AF Setúbal divulga castigo

Sérgio Segão arrisca uma suspensão de 1 mês a 1 ano…

Sérgio Segão, o jogador do Paio Pires que esteve na origem dos incidentes registados no decorrer do jogo disputado no passado domingo no Estádio João Pedro, no Lavradio, entre o Desportivo Fabril e o Paio Pires, a contar para a 14.ª jornada do Campeonato Distrital da 1.ª Divisão, foi penalizado pelo Conselho de Disciplina da Associação de Futebol de Setúbal com suspensão preventiva sendo ainda alvo de um processo disciplinar, no âmbito do artº 110.1 do Regulamento Disciplinar que prevê uma pena que pode ir de 1 mês a 1 ano.

O jogador que agrida fisicamente outro jogador, antes, durante ou após o jogo, em circunstâncias reveladoras de indignidade para a prática desportiva, é punido com SUSPENSÃO POR 1 MÊS A 1 ANO e, se for profissional, é punido ainda com multa de € 100 a € 200”, é isto o que diz o artº 110.1 do Regulamento Disciplinar.

Na sequência dos incidentes, o Conselho de Disciplina resolveu também punir o treinador da equipa, Ricardo Moreira, com 10 dias de suspensão e multa de 50 euros.

O jogador do Desportivo Fabril, Tomás Palhais, foi também punido com um jogo de suspensão.

A propósito, recorda-se, que antes da pena aplicada pelo Conselho Disciplina da AF Setúbal, Sérgio Segão já havia sido suspenso de toda a actividade desportiva pela direcção do Paio Pires Futebol Clube.
Share on Google Plus