JUVENIS»» Benfica 2 Sporting 0


Benfica esteve sempre por cima, no jogo…
VITÓRIA NO DÉRBI SOBRE OS LEÕES DEIXA ÁGUIA MUITO PERTO DO TÍTULO

O Benfica, com a vitória alcançada no dérbi disputado no Seixal com o Sporting (2-0), relativo à 7.ª jornada da fase final, ficou muito perto de garantir a conquista do título.
Os pupilos de Luís Araújo seguem em primeiro lugar na tabela classificativa com 19 pontos, mais oito que os leões que estão na segunda posição.
Consciente da importância que o jogo tinha para as suas aspirações, o Benfica entrou a mandar e aos três minutos Filipe Cruz só não marcou porque o guarda-redes do Sporting, Diogo Almeida, fez uma grande defesa para canto. Os leões iam evidenciando algumas dificuldades de progressão e apenas aos 11 conseguiram fazer a sua primeira abordagem à baliza do Benfica, num remate de Gonçalo Batalha.
O domínio continuava a pertencer às águias que abriram o activo aos 27 minutos por Rafael Brito, num cabeceamento ao segundo poste, na sequência de um canto.

O Sporting, numa das suas subidas no terreno, ganha um livre à entrada da área (35’) e na cobrança do mesmo Bruno Tavares faz brilhar Samuel Soares que fez a defesa da tarde naquela que foi a melhor oportunidade dos leões durante todo o encontro. E, mesmo à beira do intervalo (39’), Henrique Araújo, assistido por Gerson Sousa, fez o 2-0.
Na segunda parte o jogo foi mais equilibrado porque o Benfica se preocupou mais em gerir o resultado mas mesmo assim continuou a ser a equipa mais perigosa, desperdiçando duas ocasiões flagrantes, por Diogo Nacimento (62’) e Filipe Cruz (68’), em que poderia ter aumentado a vantagem.


A OPINIÃO DOS TREINADORES:
Luís Araújo (Benfica):  “A justiça do resultado não se coloca em causa porque fizemos um bom jogo e alcançámos uma boa vitória. Sabemos que estamos mais perto de alcançar um dos objectivos da época mas ainda nada está ganho.

João Couto (Sporting):  “ O Benfica jogou melhor e teve mais oportunidades mas houve uma altura na primeira parte em que podíamos ter equilibrado o resultado. Depois do intervalo tentámos chegar ao golo mas no cômputo geral o Benfica foi um justo vencedor.   

Destaque – jogador
Paulo Bernardo (Benfica): “Foi um jogo bem conseguido da nossa parte, ganhámos e aumentámos a vantagem para o 2.º classificado, era o que nós queríamos. Estivemos sempre por cima no jogo, melhor na 1.ª parte que na segunda, mas ficámos satisfeitos.  Temos uma grande equipa, estamos muito unidos e quando assim acontece as coisas saem melhor. Virámos mais uma página do nosso livro, agora vamos trabalhar para o próximo jogo”.

 

FICHA DO JOGO
Jogo no Caixa Futebol Campus, no Seixal
ÁRBITRO: Flávio Lima (Lisboa), auxiliado por Ricardo Azevedo e Fábio Félix

BENFICA: Samuel Soares; Filipe Cruz, Tomas Araújo, Adrian Bajrami, Rafael Rodrigues; Rafael Brito, Ronaldo Camará (Jeremy Sarmiento, 80’, Paulo Bernardo; Gerson Sousa (Henrique Pereira, 75’), Diogo Nascimento (Pedro Silva, 80+2’) e Henrique Araújo.  
Treinador: Luís Araújo
SPORTING: Diogo Almeida; Alexandre Lami (Gilberto Batista, 40’), Eduardo Quaresma, Rodrigo Rego, Nuno Mendes (Paulo Agostinho, 70’); João Daniel, Gonçalo Batalha (Daniel Rodrigues, 54’), Tiago Ferreira; Bruno Tavares, Joelson Fernandes e Tiago Tomás.
Treinador: João Couto
Ao intervalo: 2-0
Marcadores: 1-0, Rafael Brito (27’); 2-0, Henrique Araújo (39’);
Disciplina: Alexandre Lami (15’), Tiago Tomás (17’), Joelson Fernandes (30’), Rafael Brito (34’), Ronaldo Camará (62’),  Paulo Bernardo (80’.   

Share on Google Plus