COVA DA PIEDADE»» Treinador aceitou o convite e regressou - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

15 de janeiro de 2020

COVA DA PIEDADE»» Treinador aceitou o convite e regressou

Na época passada conquistou a Taça AF Setúbal ao serviço dos piedenses…

RICARDO ESTRELADO TEM VINDO A ACUMULAR FUNÇÕES NA EQUIPA B E NOS SUB-23


Ricardo Estrelado, que na época passada conquistou a Taça AF Setúbal pelo Cova da Piedade, está de volta ao clube depois de uma breve passagem pelo Oriental Dragon.

O treinador, de 43 anos, foi contratado para a equipa “B” mas ultimamente tem vindo a acumular funções nos Sub-23, devido à transição de forma interina de Luís Tralhão para a equipa principal, situação que deve ser revertida com a entrada de João Alves para o comando técnico da equipa que disputa a II Liga.  
 
Ricardo Estrelado adiantou ao nosso jornal que foi fácil chegar a acordo com o clube. “Estava disponível desde a saída do Oriental Dragon. Como tal, foi co naturalidade que recebi o convite do Cova da Piedade para integrar o grupo de trabalho da equipa B. E, porque as memórias anteriores haviam sido boas e o trabalho meritório, achei que valeria a pena voltar para ajudar o clube a fazer o melhor possível tanto no Campeonato Distrital como na Taça AF Setúbal”.


Apesar de ter sido contratado para a equipa “B” Ricardo Estrelado tem vindo também a exercer funções na equipa de Sub-23 que disputa a Liga Revelação.


É verdade, a minha entrada no clube coincidiu com a saída do Jorge Casquilha e com a chamada do Luís Tralhão à equipa principal. Na sequência destas alterações pediram-me para assumir também os Sub-23. Como trabalhamos no mesmo espaço físico aceitei o desafio e tenho vindo praticamente a fazer sessões contínuas. Dou treino a uma equipa logo pela manhã e logo a seguir à outra. É de facto um acréscimo de trabalho porque são duas equipas distintas, que competem em campeonatos diferentes e isso obriga-me também a fazer um planeamento diferente para cada uma das delas, dado que os sub 23 jogam à terça e ao sábado e a equipa B joga ao domingo. O que eu tentei fazer foi reequilibrar os dois plantéis e fazer as coisas mais equilibradas para que cada equipa possa ter melhor performance. Tenho tido muito trabalho, treino todos os dias, viagens para cima e para baixo e em três semanas apenas hoje (quarta-feira) estou de folga".



Ricardo Estrelado confidenciou ao nosso jornal que nada sabe em relação ao futuro. “Com a entrada do João Alves provavelmente a administração irá tomar uma decisão quanto às equipas e ao seu futuro. Mas, como disse, eu fui contratado para a equipa B por isso é natural continue com ela. Tenho estado a acumular funções nos sub-23 mas não sei o que vem por aí”. 

Em relação à experiência de participar em duas competições completamente diferentes, o técnico piedense considera ter sido muito boa. “Qualquer treinador ficaria satisfeito se tivesse esta oportunidade. O campeonato distrital é um campeonato muito difícil onde há uma luta constante devido à subida e à descida de divisão. E a Liga Revelação diferente porque não existe pressão acumulada e necessidade de fazer as coisas só para ganhar. Como não há descida de divisão o objectivo passa por tentar ganhar, praticando bom futebol para fazer evoluir os jogadores”.

O treinador rematou a conversa agradecendo à administração da SAD “o voto de confiança” que lhe deu e a oportunidade de “treinar as duas equipas com total autonomia”.


Post Bottom Ad

Responsive Ads Here