CAMPEONATO DE PORTUGAL»» Olímpico 1 Pinhalnovense 3 - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

17 de fevereiro de 2020

CAMPEONATO DE PORTUGAL»» Olímpico 1 Pinhalnovense 3

Marcou dois golos e depois foi expulso…

DIEGO ZAPORO ESTEVE NO MELHOR E NO PIOR DA SUA EQUIPA


O Pinhalnovense venceu o clássico disputado no Campo da Liberdade levando a melhor sobre o Olímpico do Montijo num jogo que ficou marcado por duas expulsões, uma para cada lado, ainda na primeira parte.

O primeiro a ser expulso foi André Gomes (Olímpico do Montijo) por ter derrubado um adversário que seguia isolado para a baliza e depois foi Diego Zaporo (Pinhalnovense) por agressão a um jogador montijense.

A equipa de Pinhal Novo abriu o activo por Diego Zaporo com um desvio de cabeça na sequência de um pontapé de canto, quando estavam decorridos 14 minutos. Roncatto, que esteve bastante perdulário durante todo o encontro, desperdiçou uma excelente oportunidade para chegar ao empate. E, como um mal nunca vem só, pouco depois surgiu um rude golpe para a equipa do Montijo que ficou reduzida a 10 unidades.


Na cobrança do livre que originou a expulsão de André Gomes, Diego Zaporo voltou a marcar e o Pinhalnovense ficou a ganhar por 2-0. Diego Zaporo, que estava a ser o homem do jogo pela positiva continuou a merecer o destaque mas agora pela negativa porque acabou também por ser expulso. As duas equipas voltaram a ficar em igualdade numérica mas em termos de futebol praticado era o Pinhalnovense que estava por cima e por força das circunstâncias aumentou para 3-0, por intermédio de Nico.

A perder por uma margem tão dilatada o Olímpico arriscou tudo o que podia e aos 49 minutos reduziu para 1-3, com um golo de Miguel Pires. Com este golo a equipa cresceu um pouco mas com o decorrer do tempo o jogo foi perdendo intensidade e apesar de terem havido algumas oportunidades o marcador não sofreu mais qualquer alteração.

No próximo sábado o Olímpico do Montijo desloca-se a Loures e no domingo o Pinhalnovense recebe o Esperança de Lagos.


FICHA DE JOGO

Jogo no Campo da Liberdade, no Montijo
ÁRBITRO: Diogo Andrade (Angra do Heroísmo)

OLÍMPICO: Diogo Arreigota; André Gomes, Hildélvis, Diogo Branco, Higino Tavares (Fábio Freire, 44’); Marcelo Castro, Zé Lúcio (Luisinho, 44’), Miguel Pires; Patrick, Hélio Roque (Pinéu, 30’), e Roncatto.  
Treinador: David Martins

PINHALNOVENSE: Patrick Costinha; Wang, Yuran Lopes, Sandro Costa, João Pinto; Marlon, Carlitos, Ruben Fidalgo (Calderon, 88’); Nico (Leo, 75’), André Soares (Bandeira, 61’) e Diego Zaporo.
Treinador: Luís Manuel


Ao intervalo: 0-3

Marcador: 0-1, Diego Zaporo (15’); 0-2, Diego Zaporo (23’); 0-3, Nico (44’) e Miguel Pires (49’).

Disciplina: cartão amarelo para Yuran Lopes (54’), Hidélvis (69’), Patrick (85’). Cartão vermelho para André Gomes (21’) e Diego Zaporo (28’).



Post Bottom Ad

Responsive Ads Here