1.ª DIVISÃO DISTRITAL»» ARRENTELA 0 ALMADA 3 - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

domingo, 7 de dezembro de 2014

1.ª DIVISÃO DISTRITAL»» ARRENTELA 0 ALMADA 3

Arrentela mostra muita vontade mas só isso não chega…

Vitória almadense deixa equipa a apenas dois pontos do primeiro lugar

O Almada que se deslocou à Arrentela venceu por 3-0 e ascendeu ao quarto lugar da tabela classificativa com os mesmos pontos do Grandolense que ocupa a terceira posição. Esta, foi de facto uma jornada que correu muito bem à equipa orientada por Filipe Celikkaya que tirou assim o melhor partido do facto das equipas que seguiam á sua frente terem empatado todas. Com 15 pontos amealhados nos oito jogos até agora realizados a equipa almadense tem apenas menos um ponto que o segundo classificado [U. Santiago] menos dois que a equipa que comanda [o Amora].

O Arrentela, que tem apenas quatro pontos, encontra-se no 14.º lugar, uma posição deveras incómoda porque tem os mesmos pontos que o penúltimo [Charneca de Caparica] e apenas mais um que o lanterna vermelha [Beira Mar de Almada].

Sobre o jogo, constata-se que o Almada entrou praticamente a ganhar com um golo marcado logo aos cinco minutos pelo norueguês, de 27 anos, Martin Reier, que está a cumprir a sua primeira época como futebolista no nosso país. A equipa arrentelense tentou reagir no sentido de poder vir a alterar o rumo dos acontecimentos mas a grande verdade é que quando o intervalo chegou o resultado era de 1-0 para o Almada.

Na segunda parte mais dois golos aconteceram e ambos para o Almada; o primeiro marcado por Luisinho (64’) e o outro por Suelves, nos instantes finais da partida (90’).

No final, Nuno Pinto, técnico do Arrentela lamentou a falta de eficácia da sua equipa e Filipe Celikkaya, treinador do Almada, realçou a atitude dos seus jogadores que assumiram o jogo logo desde o início.

Na próxima jornada o Almada recebe no Pragal o Grandolense e o Arrentela desloca-se a Cacilhas para medir forças com o Beira Mar de Almada.


A OPINIÃO DOS TREINADORES

NUNO PINTO, treinador do Arrentela:

“A equipa joga, tem muita posse de bola mas não consegue marcar”

 “Entrámos mal no jogo e aos cinco minutos já perdíamos por 1-0 com um golo sofrido numa jogada que nós conhecíamos do adversário. A equipa estava avisada para isso mas o jogador que interveio no lance diz que foi empurrado. Neste início de jogo, até estávamos a ter bola, mandámos uma bola ao poste e vimos uma outra ser tirada em cima da linha de golo mas o Almada acabou por ter a sorte do jogo e, ao mesmo tempo, a esperteza suficiente para ganhar, porque no segundo período nas duas vezes que chegou à nossa baliza fez dois golos. Só temos que lhe dar os parabéns. Nós fizemos o que sido habitual. A equipa joga, tem muita posse de bola mas não consegue marcar. Temos que continuar a creditar que é possível. Pode ser que aquelas que agora têm batido nos postes comecem a entrar”.


FILIPE CELIKKAYA, treinador Almada:

“A vitória foi justa porque assumimos o jogo logo desde o início”

Considero que foi uma vitória justa porque desde logo assumimos as despesas do jogo e com uma entrada forte, chegámos muito cedo ao golo. O Almada sempre com mais posse e mais oportunidades, tentou por várias vezes marcar o segundo golo, mas tal não aconteceu, ora devido às boas defesas do guarda-redes contrário, ora por não acertarmos com a baliza. Fomos para segunda parte, controlámos o jogo e tivemos seis oportunidades claras de golo e conseguimos marcar dois de boa qualidade. Ainda rematámos ao poste, assim como o Arrentela. O segundo golo deu para estabilizar a equipa. Por fim, ainda conseguimos marcar o terceiro golo num lance bem preparado. Concluindo; sabemos que temos de continuar o nosso caminho, que não é fácil, melhorar diariamente e demonstrar dentro de campo que merecemos a vitória”.


FICHA DO JOGO

Jogo no Complexo Desportivo da Boa Hora, em Arrentela
ÁRBITRO: André Pagaime (Núcleo do Pinhal Novo)

ARRENTELA: Ricardo Freitas; Bruno Almeida, Rui Longo, Nuno Ferreira, Fábio Geia; Joel (Ruben, 85’), Nhapa (João Martins, 45’), Tiago Amaral; Didi, N’Bala e Flaviano (Mauro, 75’).
TREINADOR: Nuno Pinto

ALMADA: João Marreiros; Óscar, Litos, Mareco, Mauro Pereira; Martin Reier, Jota (Ião, 77’), Mesquita; Pipo (Luisinho, 61’), Willians (Suelves, 80’) e Flávio.
TREINADOR: Filipe Celikkaya

Ao intervalo: 0-1
Marcadores: 0-1, Martin Reier (5’); 0-2, Luisinho (64’); 0-3, Suelves (90’).


Post Bottom Ad

Responsive Ads Here