RICARDO ESTRELADO»» Treinador não fica no Cova da Piedade - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

terça-feira, 11 de agosto de 2020

RICARDO ESTRELADO»» Treinador não fica no Cova da Piedade

 

Tem no seu currículo dois títulos distritais…

 

“SINTO-ME À VONTADE PARA DIZER AOS OUTROS CLUBES QUE ESTOU DISPONÍVEL”

 



Ricardo Estrelado, que na época passada treinou a equipa “B” do Cova da Piedade e chegou a orientar de forma provisória os Sub-23 na Liga Revelação, não vai continuar no clube piedense.

 

O treinador, de 43 anos, que tem no seu currículo dois títulos, campeão distrital de seniores da 2.ª divisão pelo Beira Mar de Almada na época de 2005/06 e vencedor da Taça AF Setúbal pelo Cova da Piedade em 2018/19, foi aguardando por uma palavra da SAD piedense e agora acabou por ficar sem clube.


 

“Pediram-me para aguardar em virtude da confusão que se instalou no clube pelo facto de não saber em que campeonato iria participar. Esperei, mas agora com a época prestes a começar e com os clubes com as suas estruturas já definidas, percebi que não estavam a contar comigo”, contou ao nosso jornal.

 

Ricardo Estrelado confidenciou que “quando o mister Toni Pereira foi contratado para a equipa principal tivemos uma conversa onde ficou aberta a hipótese de treinar a equipa sub-23, que era de facto aquilo que eu pretendia. Não sei se vai haver essa equipa, pelo menos o treinador ainda não foi anunciado. Mas, tendo em conta o sucedido, e porque o tempo de espera já é longo, sinto-me à vontade para dizer aos outros clubes que estou disponível para outros projectos”.

 


O treinador reconhece que ficou numa situação delicada porque nesta altura é muito difícil arranjar colocação pelo facto da maioria dos clubes já estarem servidos.


 

“Esta é de facto a parte mais chata do futebol. Quando ficamos de fora fica quase sempre a sensação de que não somos competentes mas isso não corresponde à verdade, depende das circunstâncias. Todos nós gostamos de começar pelo princípio, escolher jogadores, ter tempo para preparar a equipa e implementar as suas ideias e o modelo de jogo. E, eu, por aquilo que tenho feito no futebol, sobretudo num passado recente, creio que merecia estar no activo”, referiu Ricardo Estrelado que agora vai ficar à espera que o telefone toque.

 

“Sim, é verdade. Estou disponível para abraçar outros projectos, desde que os convites surjam. Assim sendo, resta-me aguardar por eventuais contactos. Todos serão analisados”, rematou.  

 

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here