2.ª DIVISÃO DISTRITAL»» MOITENSE 3 LAGAMEÇAS 1

Arbitragem contestada pelas duas equipas…

Moitense regressa às vitórias após três jogos sem pontuar



Depois de um empate e três derrotas, nos últimos quatro jogos realizados, o Moitense regressou às vitórias frente ao Lagameças. Três a um, foi o resultado final do jogo que foi disputado num campo em péssimas condições devido ao mau tempo e que ficou também marcado por críticas à arbitragem por parte dos técnicos de ambas as equipas.

Com os três pontos conquistados a equipa orientada por Nuno Paulino subiu ao sexto lugar da tabela classificativa por troca com o Estrela de Santo André que perdeu na sua deslocação à Quinta do Conde.

O Lagameças continua colocado na última posição com apenas um ponto mas com a esperança de poder vir a melhorar o seu desempenho para assim poder conquistar mais alguns pontos que permitam uma maior aproximação aos adversários mais directos.

O Moitense foi para o intervalo a ganhar por 1-0 com um golo marcado por Joel, aos 32 minutos. Na segunda parte, a equipa da Moita aumentou para 2-0 por Ricardo (60´), O Lagameças reduziu para 2-1 por Bruno Barros (79’) e Gonzaga colocou o marcador final em 3-1, aos 84 minutos.

Na próxima jornada o Moitense desloca-se a Santo André e o Lagameças recebe a visita dos Pescadores da Costa de Caparica.



A OPINIÃO DOS TREINADORES

NUNO PAULINO, treinador do Moitense:

“A vitória incontestável e justa vem trazer mais motivação à equipa”

“A equipa entrou muito bem no jogo, fez uma excelente partida e conseguiu criar imensas situações de golo. Por aquilo que fez, penso que a nossa vantagem é escassa. Conseguimos controlar muito bem o jogo, ter muita posse de bola e não demos grandes chances ao adversário. O maior problema foi termos pecado muito na finalização. Em relação à equipa de arbitragem, que eu conheço há muito anos e sei que tem qualidade, não esteve à altura do que é normal em si. Os números finais foram escassos se calhar também devido a alguns erros de arbitragem, para além da falta de eficácia da nossa parte. De qualquer forma, é uma vitória incontestável e justa que vem dar algum alento e motivação para os jogos que por aí vêm. Gostaria de dizer também que não é fácil jogar nas condições em que o pelado se encontrava, devido à chuva. Mesmo assim conseguimos desenvolver lances de grande qualidade que terá deixado satisfeito quem viu.



NUNO PASSOS, treinador do Lagameças:

“O árbitro teve muita influência no jogo e no próprio resultado”

“Numa tarde de chuva, num campo em que a prática do futebol era praticamente impossível, com grandes poças de água junto às laterais onde as bolas ora paravam repentinamente, ora ganhavam mais velocidade, as três equipas entraram em campo para mais uma tarde desportiva, onde o Moitense saiu vencedor. A minha equipa entrou em campo algo adormecida dando por completo o domínio do jogo ao adversário nos primeiros dez minutos, período em que o Moitense criou algumas oportunidades de golo. Depois, conseguimos reagir, equilibrámos a partida e criámos várias oportunidades de golo que não concretizámos. Eu não sou muito de falar de arbitragens, mas não posso deixar de o fazer porque na minha opinião existiu dualidade de critérios.
Em minha opinião, o árbitro teve muita influência no jogo e no próprio resultado. Resumindo os factos; entre os muitos erros que foram cometidos realço um em que fica por assinalar uma carga pelas costas ao nosso jogador Vítor Oliveira dentro da grande área do Moitense (que daria penalti e cartão amarelo ao jogador) que no seguimento sai em contra-ataque. No meio campo, o nosso jogador Marcos Borralho ao saltar para disputar a bola é impedido de o fazer por ter sido empurrado pelas costas (segunda falta) pelo ponta de lança do Moitense que consegue assim fazer o primeiro golo da partida. Depois, há uma expulsão de um jogador do Moitense que não consegui perceber porquê. Na segunda parte procurámos o golo mas começámos a jogar mais com o coração. Ainda atirámos ao travessão da baliza adversária mas depois cometemos erros defensivos que permitiram que o Moitense dilatasse o marcador. A sorte não estava do nosso lado porque marcámos já relativamente tarde pelo facto de não termos sido eficazes nas várias oportunidades que criámos. Excelente trabalho das duas equipas que procuravam um bom resultado, mas uma avaliação negativa para a terceira equipa em campo. Esta é a minha opinião e se eu tenho que respeitar as opiniões da terceira equipa em campo, agradeço que respeitem a minha também”.



FICHA DO JOGO

Jogo no Campo “Juncal Desportos”, na Moita
ÁRBITRO: André Loução (Núcleo do Pinhal Novo)

MOITENSE: Gerson; Sandro, Gonzaga, Espada, Rebola; Lobo (Tuga, 60’), Diogo Ribeiro, Amieiro; Ismael, Joel (Davide, 57’) e Ricardo (Tarik, 62’).
TREINADOR: Nuno Paulino

LAGAMEÇAS: Ruben Balseiro; António Estrela (Ricardo Teixeira, 80’), Ruben Marcolino, Cristóvão Rosado, João Pinto (Bruno Barros, 60’); Marcos Borralho, Hugo Ramos, Pedro Silva (Daniel Sousa, 68’); Davide Mendes (Tiago Carapinha, 25’), Vítor Oliveira e Fábio Ferreira
TREINADOR: Nuno Passos

Ao intervalo: 1-0
Marcadores: 1-0, Joel (32’); 2-0, Ricardo (60’); 2-1, Bruno Barros (79’); 3-1, Gonzaga (84).
Disciplina: Rebola foi expulso aos 55 minutos.
Share on Google Plus