1.ª DIVISÃO DISTRITAL – COSTA CAPARICA 2 PAIO PIRES 1 - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

segunda-feira, 25 de março de 2013

1.ª DIVISÃO DISTRITAL – COSTA CAPARICA 2 PAIO PIRES 1

O Paio Pires foi a primeira equipa a marcar
mas os Pescadores conseguiram dar a volta

Foto: Manuel Lima e Silva
Os Pescadores da Caparica derrotaram o Paio Pires por duas bolas a uma num jogo onde o resultado terá sido melhor que a exibição.

Os paiopirenses foram os primeiros a marcar e isso enervou a equipa da casa que conseguiu empatar já em período de compensação ainda na primeira parte e chegou ao golo da vitória aos cinco do segundo tempo.

 Moralizado pelo resultado obtido na jornada anterior no jogo que disputou com o Almada, o Paio Pires entrou em campo disposto a dificultar a tarefa da equipa da casa. O Costa de Caparica tinha mais posse de bola mas não criava grande perigo. O Paio Pires que tentava surpreender no contra-ataque aproveitou da melhor forma uma má recepção de um jogador dos Pescadores, após cobrança de um pontapé a seu favor, para se adiantar no marcador. André Pinto, que se isolou a passe de Manuel Fernandes, foi o autor do golo. O Costa de Caparica acusou pela negativa o golo e a equipa demorou algum tempo a perceber como havia de entrar no último reduto do Paio Pires que se havia baixado as linhas. Por volta dos 30 minutos o Paio Pires teve uma excelente oportunidade para dilatar o marcador mas a bola atirada por André Pinto acabou por ser afastada mesmo sobre a linha de golo por um jogador adversário. O Costa de Caparica tentava jogar pelos flancos mas não estava a ser eficaz e somente nos instantes finais da primeira parte conseguiu criar algum perigo para a baliza do Paio Pires com Flávio Silva a desperdiçar duas boas ocasiões, uma aos 35 e outra aos 40 minutos, esta última muito por culpa do guarda-redes Paulo Silva que fez uma excelente defesa. Como as coisas não estavam a correr bem Pedro Abranja mexeu na equipa resultando daí o golo do empate obtido já em período de compensação pelo jogador que havia entrado, Flávio Monteiro.

 Na segunda parte, a equipa da Costa de Caparica entrou mais agressiva sobretudo no último terço do campo, passou a jogar mais rápido sobre a bola e chegou rapidamente ao golo. O Paio Pires não acertava com as marcações e o terceiro golo dos Pescadores esteve à vista. Sensivelmente a meio da segunda parte o Paio Pires conseguiu equilibrar partindo depois em busca do golo da igualdade mas não o fazia da melhor forma porque jogava mais com o coração que com a cabeça. Os Pescadores ainda dispuseram de mais uma boa ocasião mas até ao final o resultado não sofreu alteração persistindo o resultado de 2-1 que satisfez por completo as pretensões da equipa da casa que subiu ao quarto lugar da tabela classificativa enquanto o Paio Pires se manteve no 13.º lugar.

 Na próxima jornada, os Pescadores deslocam-se a Sines para defrontarem o Vasco da Gama enquanto os paiopirenses recebem o Beira Mar de Almada no campo Vale da Abelha que na próxima sexta-feira, dia 29, será palco de um dos jogos das meias finais da Taça AFS, o Paio Pires – Cova da Piedade.

 FICHA DO JOGO 

Jogo no Campo dos Pescadores, na Costa de Caparica
ARBITRO: Paulo Jorge (Barreiro)

COSTA DE CAPARICA: Hernâni; Serra, Ricardo Aires, Nuno Mendonça, Mauro Pereira; Gazza, Nascimento, Miguel Lopo (André Sousa, 75’); Forby (Flávio Monteiro, 40’; Gonçalo, 90’), Mauro Gonçalves e Flávio Silva.
TREINADOR: Pedro Abranja

PAIO PIRES: Paulo Silva; Adérito, Márcio, Rafael, Bruno Almeida (Moreira, 75’); João Martins (Mário Capítulo, 82’), Eddy, Manuel Fernandes; Laranjeira (Fábio Geia, 65’), André Pinto e Telmo.
TREINADOR: Paulo Cardoso

Ao intervalo: 1-1
Marcador: 0-1, André Pinto (14’); 1-1, Flávio Monteiro (45+3’); 2-1, Flávio Silva (51’).

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here