JUNIORES»» Benfica jogou mais de 20 minutos com 10 jogadores - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

segunda-feira, 11 de março de 2013

JUNIORES»» Benfica jogou mais de 20 minutos com 10 jogadores

Penalty de João Gomes dá vitória sobre o Sp. Braga

  Em jogo a contar para a 4.ª jornada da fase de apuramento do campeão nacional de juniores o Benfica derrotou o Sp. Braga, por 1-0, com um golo marcado, logo no início da segunda parte, por João Gomes na conversão de uma grande penalidade, a punir falta cometida em plena grande área por Nené sobre João Teixeira.

O golo solitário acabou por dar os três pontos aos benfiquistas que repartem o segundo lugar da tabela classificativa de parceria com o FC Porto com apenas menos um ponto que o Sporting que não conseguiu melhor que um empate em Guimarães.

O triunfo encarnado não foi fácil de conseguiu porque do outro lado estava uma equipa muito bem estruturada disposta a lutar com todos seus argumentos por um resultado diferente. De qualquer forma, a vitória acaba por assentar bem à formação encarnada principalmente pela entrega total dos seus jogadores que souberam lutar até à exaustão. Após a expulsão de Eliseu Cassamá, aos 71’, a pressão dos bracarenses foi constante na procura da igualdade mas os pupilos de João Tralhão uniram esforços e acabaram por conseguir os seus intentos.

 Na primeira metade do encontro, o Benfica teve mais posse de bola, foi mais dominador e dispôs de mais oportunidades para marcar sendo de salientar um remate de Bernardo Silva à entrada da área defendido por Tiago Sá (17’), um lance em que Alexandre Alfaiate chegou um pouco atrasado a um cruzamento de Hélder Costa (23’) e um golo anulado por deslocação (?) de Sancidino Silva. Os guerreiros do Minho que actuavam em contra-ataque tiveram a sua melhor ocasião aos 33’ por Aldair que apareceu com muito perigo na cara do guardião encarnado.

 Na segunda parte, quem esteve mais perto do golo foi o Sp. Braga, aos 46’, com Bouças a atirar de cabeça muito próximo da baliza de José Costa, após livre de Mendonça. Na resposta, os encarnados foram para a frente e pouco depois aconteceu o lance que decidiu o encontro. Os bracarenses reagiram, alargaram a sua frente de ataque e passaram a criar mais perigo sobretudo após a expulsão de Eliseu Cassamá mas os benfiquistas com uma entrega total ao jogo acabaram por sair vitoriosos.

 TREINADORES: 

João Tralhão (Benfica): “Foi uma vitória muito difícil porque o Braga tem uma excelente equipa. Os jogadores estão de parabéns porque trabalharam muito e foram bravos dentro do campo. Só conseguimos a vitória porque eles acreditaram até ao fim. Depois da expulsão tivemos que apelar à união que é característica deste grupo.

Pedro Duarte (Sp. Braga): “Na primeira parte o Benfica teve mais bola e jogou mais em cima de nós. Mas, na segunda parte, o jogo foi equilibrado. A grande penalidade deixou-me algumas dúvidas. Penso que o empate seria o resultado mais justo porque desperdiçámos algumas boas ocasiões”. 

FICHA DO JOGO 

Campo N.º 1 da Caixa Futebol Campus, no Seixal
ÁRBITRO: Jorge Faustino (Leiria), auxiliado por Rui Freire e José Mira

BENFICA: José Costa; Eliseu Cassamá, João Nunes, Alexandre Alfaiate, Pedro Rebocho; Filipe Nascimento, (Valdomiro Lameira, 79’), Sancidino Silva (Diogo Rocha, 86’), João Teixeira; João Gomes (Rony Santos, 71’), Bernardo Silva e Hélder Costa.
TREINADOR: João Tralhão

SP. BRAGA: Tiago Sá; Júnior, Eira, Artur Jorge, Núrio; Reko (Tiago, 76’), Erivaldo, Bouças; Aldair (Pedro, 68’), Mendonça e Nené (Kevin, 59’).
TREINADOR: Pedro Duarte

Ao intervalo: 0-0
Marcadores: 1-0, João Gomes (48’) gp.
Disciplina: cartão amarelo para Núrio (22’); Eliseu Cassamá (33’ e 71’); Alexandre Alfaiate (67’); Reko (73’); João Nunes (75’); Valdomiro Lameira (90’). Cartão vermelho, por acumulação de amarelos, para Eliseu Cassamá (71’).

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here