1.ª DIVISÃO DISTRITAL –MONTE CAPARICA 2 1.º MAIO SARILHENSE 1 - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

domingo, 24 de março de 2013

1.ª DIVISÃO DISTRITAL –MONTE CAPARICA 2 1.º MAIO SARILHENSE 1

Por aquilo que fez Monte de Caparica merecia muito mais 
Foi perante casa cheia e com um público vibrante que não parou um minuto sequer no apoio à sua equipa que o Monte de Caparica derrotou o 1.º Maio Sarilhense, por duas bolas a uma, um resultado demasiado escasso e puramente enganador para quem não assistiu ao jogo.

O Monte de Caparica que na jornada anterior havia ganho em Palmela entrou na partida disposto a resolver cedo a questão e durante os primeiros 30 minutos esteve muito bem e massacrou por completo a equipa de Sarilhos que não conseguia sair para o ataque. No último quarto de hora, a equipa mostrou alguma ansiedade pelo facto de não estar a conseguir chegar ao golo e aos 44 minutos viu uma bola bater na barra da sua baliza. Como demonstração do assédio da equipada casa à baliza adversária fica o registo de 15 remates e 8 pontapés de canto.

O intervalo fez bem à equipa da casa que entrou muito bem na segunda parte marcando os seus dois golos, ambos por Gelson, no curto espaço de seis minutos. Os primeiros 30 minutos foram muito semelhantes à primeira parte com a equipa a ter muita posse de bola e a construir muitas jogadas de perigo para a baliza adversária. Depois, com o decorrer do tempo, sobretudo no último quarto de hora, a equipa baixou um pouco acusando algum desgaste pelo esforço desenvolvido e o jogo tornou-se mais repartido. O golo do 1.º Maio Sarilhense, que fez muito pouco para o merecer, surgiu já em período de compensação.

 Com os três pontos conquistados o Monte de Caparica subiu ao 8.º lugar da tabela classificativa. Na próxima jornada, que se realiza apenas no dia 7 de Abril, a equipa desloca-se ao campo do último classificado, o Melidense.

FICHA DO JOGO 

Jogo no Campo Rocha Lobo, no Monte de Caparica
ÁRBITRO: Miguel Miranda (Setúbal)

MONTE CAPARICA: Mascarenhas; Benja, Conceição, Canário, Heta; Pelé (Ivo, 77’), Jota, Luisinho (Dário Vera, 68’); Nuno Varela, Bala e Gelson (Joel, 60’).
Suplentes não utilizados: Cascalho, Fred, Austrelino e João Monteiro
TREINADOR: José Meireles

Ao intervalo: 0-0
Marcador: 1-0, Gelson (51’); 2-0, Gelson (57’); 2-1, aos 90+3’.

Post Bottom Ad

Responsive Ads Here