2.ª DIVISÃO DISTRITAL»» ADQC 1 PESCADORES 1

Devido a um alegado erro da equipa de arbitragem…
  
ADQC CONTESTA LANCE QUE DEU ORIGEM AO GOLO DOS PESCADORES

O jogo mais importante da jornada disputado no Campo António Xavier de Lima, na Quinta do Conde, entre os dois primeiros classificados [ADQC e Pescadores da Caparica] terminou empatado a uma bola mas ao mesmo tempo envolto em polémica devido à forma como aconteceu o golo da equipa da Costa de Caparica que na opinião dos quintacondenses foi obtido na sequência de um “erro gravíssimo da equipa de arbitragem” [ver declarações de Manuel Pinéu, treinador da ADQC].

Na primeira parte as oportunidades mais flagrantes foram poucas. A primeira pertenceu aos Pescadores com um jogador da ADQC a safar mesmo sobre a linha de golo e a segunda para a equipa da Quinta do Conde num chapéu que saiu ligeiramente por cima da barra. Depois, já muito próximo (42’) surgiu o golo da formação da Costa de Caparica com o árbitro a considerar atraso para o guarda-redes um corte defeituoso de um jogador da ADQC. Na cobrança do livre Forby atirou a contar e colocou os Pescadores na frente do marcador.

Na segunda parte a equipa da casa foi à procura do golo e acabou por empatar aos 68 minutos por intermédio de Cláudio, tendo antes disso os Pescadores desperdiçado uma boa ocasião para dilatar o marcador mas já depois da partida igualada foi a ADQC que, por diversas vezes, mais perto esteve do golo da vitória.

Os Pescadores [que perderam os primeiros pontos nesta segunda fase] continuam na frente da tabela classificativa com 36 pontos, mais sete que a ADQC e o Paio Pires que seguem nas posições imediatas, com 29.  

Na próxima jornada a ADQC desloca-se a Santo André onde defronta o Estrela e os Pescadores recebem o Alcacerense na Costa de Caparica.

  

A OPINIÃO DOS TREINADORES:

MANUEL PINÉU, treinador da ADQC:

“Golo dos Pescadores nasceu de um erro gravíssimo da equipa de arbitragem”

“Sabíamos o grau de dificuldade que este jogo tinha. A primeira parte foi repartida sem grandes ocasiões de golo para qualquer das equipas. Os Pescadores tiveram um remate de meia distância cortado sobre a linha de golo pelo Júnior, nós aos 40 minutos tivemos a oportunidade de inaugurar o marcador quando o Canina completamente isolado, só com o guarda-redes pela frente, fez um chapéu que saiu uns centímetros por cima da baliza mas aos 43 minutos os Pescadores adiantaram-se no marcador com um erro gravíssimo da equipa de arbitragem em que o nosso jogador Vasco tenta fazer um corte e a bola caprichosamente vai para trás (podendo até sem intenção alguma isolar um jogador dos Pescadores) o nosso guarda-redes agarra a bola e o árbitro [Pedro Almeida] resolve marcar um livre indirecto, do qual nasceu o golo dos Pescadores. Na segunda parte fizemos algumas alterações no sistema táctico da equipa e através de uma bola parada viemos a conseguir o empate num bom cabeceamento do Cláudio. Daí até ao fim tivemos mais três boas oportunidades [duas vezes por Canina e uma por Barbosa] para passarmos para a frente do marcador mas a sorte não esteve com a nossa equipa. Em suma, pela entrega e qualidade da sua equipa os Pescadores provaram o porquê de estarem em primeiro lugar no campeonato mas neste jogo a haver um vencedor só podia ter sido a ADQC. Quero também agradecer a todos os sócios e simpatizantes da nossa equipa pela presença constante que têm marcado nos últimos jogos e dizer-lhes que têm sido muito importantes para o momento que a equipa atravessa. Espero que nos continuem a apoiar como têm feito”.



JORGE AMARAL, treinador dos Pescadores:

“O jogo foi equilibrado e o resultado acaba por ser justo”

“Entrámos bem no jogo a tentar pressionar e com a Qt.ª do Conde a bater bolas. Já prevíamos um jogo complicado com muitas bolas a serem despejadas para dentro da área das duas equipas. Na primeira parte fomos uma equipa mais coesa, mais capaz e na realidade poderíamos ter feito mais um golo, embora o jogo tivesse decorrido de forma equilibrada. Na segunda parte, sabíamos que a Qt.ª do Conde iria reagir mas a verdade é que nos primeiros quinze minutos até tivemos mais uma oportunidade para marcar. Mas depois um erro da nossa parte acabou por dar o empate. Dentro daquilo que foi o jogo temos a noção que se calhar as oportunidades mais flagrantes foram da Qt.ª do Conde mas o jogo foi equilibrado e o resultado acaba por ser justo, em minha opinião”.



FICHA DO JOGO
 
Jogo no Campo António Xavier de Lima, na Quinta do Conde
ÁRBITRO: Pedro Almeida (Almada / Seixal)

ADQC: 
Rui Jubita; Rodri, Giló, Cláudio, Samuel; Vasco Botelho, Márcio, Júnior (Artur, 60’); Canina (Afonso Caeiro, 84’), Barbosa (Bruno Fernandes, 84’) e Jailson (Maurício, 45’).
TREINADOR: Manuel Pinéu

PESCADORES: Hernâni; Benja, Gomes, Palma, João Martins (Rafa, 77’); Pelé, Forby, Bala; Carlos Carvalho (Semedo, 88’), Dani (Igor, 60’) e Romário.  
TREINADOR: Jorge Amaral

Ao intervalo: 0-1
Marcadores: 0-1, Forby (42’); 1-1, Cláudio (68’).
  

Share on Google Plus