CN SENIORES»» C. PIEDADE 1 U. MONTEMOR 2 - JORNAL DE DESPORTO

Última hora...

27 de abril de 2015

CN SENIORES»» C. PIEDADE 1 U. MONTEMOR 2

Foi um jogo em que nada correu bem…

Aos dezasseis minutos já perdia por 2-0 e jogava com menos um jogador

Depois de três vitórias consecutivas, obtidas nas últimas três jornadas, o Cova da Piedade regressou às derrotas num jogo em que nada lhe correu bem.

Com efeito, a equipa orientada por Sérgio entrou no jogo praticamente a perder com um golo sofrido numa grande penalidade aos seis minutos, depois viu o seu guarda-redes Pedro Alves ser expulso passando a equipa a jogar apenas com 10 unidades desde aos 14 minutos e como se isso não bastasse aos 16 minutos sofreu o 2-0. Foram, de facto, muitas ocorrências e todas elas negativas registadas apenas em 16 minutos de jogo.

Apesar de tudo isto, a equipa não baixou os braços e continuou a lutar com todas as suas forças no sentido de poder alterar o rumo dos acontecimentos e acabou por reduzir a desvantagem para 2-1, por Nuno Gomes, aos 25 minutos, resultado que se manteve até ao intervalo.

Na segunda parte o Cova da Piedade continuou a procurar chegar pelo menos ao empate mas mais uma vez a sorte não esteve do seu lado quando numa das últimas jogadas do encontro viu a barra da baliza adversária evitar que a bola tivesse entrado.

Nesta partida realizada no Estádio Municipal José Martins Vieira, o Cova da Piedade alinhou da seguinte forma: Pedro Alves; Luís Dias, Ricardo Aires, Ruben Nunes e Mauricio; França (Nicolau, 40 min), André Ceitil e Hugo Rosa; Caramelo (Moisés, 73 min), Nuno Gomes e Zihau (Luan, 15 min).


Sérgio Bóris, treinador do C. Piedade:

“Nos primeiros minutos não fomos a equipa que costumamos ser”

“Entrámos mal e nos primeiros minutos não fomos a equipa que costumamos ser, não fomos rigorosos e não nos respeitámos a nós próprios. Não conseguimos impor o nosso jogo, não conseguimos ter a bola com opções completamente deslocadas do que é o nosso modelo e posemo-nos a jeito do adversário. Sofremos um golo num lance individual de um jogador nosso, depois ficámos a jogar com 10 porque o nosso guarda-redes foi expulso em mais um erro individual que culmina com a expulsão do Pedro Alves e logo dois ou três minutos depois sofremos um golo de canto em mais uma situação de erro individual. Quando passámos a jogar com 10 fomos mais equipa, fomos mais fortes e mais capazes, tivemos um maior envolvimento, fomos mais rigorosos, mais humildes e acabámos por ser a melhor equipa. Na segunda parte corremos alguns riscos e as melhores oportunidades acabaram por ser nossas e acabámos por enviar uma bola à barra no último minuto. Não há nada a apontar aos jogadores à excepção dos primeiros minutos onde tínhamos a obrigação de fazer melhor. Não conseguimos, paciência. Há ainda quatro jogos para jogar e nós embora não tenhamos uma vantagem muito acentuada acreditamos que vamos conseguir o nosso objectivo que passa pela manutenção”.  


Resultados e Classificação

RESULTADOS (10.ª jornada): Atl. Malveira 0 Sintrense 3; C. Piedade 1 U. Montemor 2; Pinhalnovense 0 Loures 1; Sacavenense 1 Fabril 0.    

CLASSIFICAÇÃO: 1.ª lugar, Loures, 33 pontos; 2.º lugar, C. Piedade, 29 pontos; 3.º lugar, Sacavenense, 29 pontos; 4.º lugar, Montemor, 25 pontos; 5.º lugar, Atlético da Malveira, 25 pontos; 6.º lugar, Pinhalnovense, 23 pontos; 7.º lugar, Sintrense, 22 pontos; 8.º lugar, Desp. Fabril, 16 pontos.


PRÓXIMA JORNADA (03 de Maio): Fabril – C. Piedade; U. Montemor – Pinhalnovense; Loures - Atl. Malveira; Sintrense - Sacavenense.    



Post Bottom Ad

Responsive Ads Here