2.ª DIVISÃO DISTRITAL»» Santo André 0 C. Caparica 2

Têm sete pontos de vantagem sobre o segundo classificado…

PESCADORES TERMINAM PRIMEIRA VOLTA SÓ COM VITÓRIAS

O Grupo Desportivo Pescadores da Costa de Caparica continua imparável na segunda fase do Campeonato Distrital da 2.ª Divisão.

Até ao momento, com sete jogos realizados na primeira volta da competição, a equipa liderada pelo antigo campeão do mundo de Riade, Jorge Amaral, conta outras tantas vitórias.

De facto, não tem dado hipóteses a ninguém e a sua vantagem é já de sete pontos sobre o segundo classificado [ADQC], nove pontos sobre o terceiro [Paio Pires] e 11 pontos sobre o quarto [Vasco da Gama].

Quer isto dizer que o regresso à 1.ª divisão está apenas a uma distância de quatro vitórias. O Estrela de Santo André foi a vítima da última jornada e por ventura outras se seguirão até ao final do campeonato porque a equipa da Caparica está realmente a fazer uma excelente temporada.  

Em Santo André, os Pescadores procuraram assumir o jogo desde o início e colocaram-se em vantagem aos 24 minutos por Bala, na cobrança de uma grande penalidade. A equipa da casa pouco fez para contrariar as intenções dos caparicanos que acabaram por ir para o intervalo a ganhar por 2-0 porque, entretanto, também Diego fez o gosto ao pé, aos 44 minutos.

Na segunda parte o Estrela melhorou um pouco e o jogo decorreu de forma mais equilibrada mas sempre controlada pelos Pescadores que foram gerindo a vantagem sem preocupações de maior.

Na próxima jornada, que marca o início da segunda volta, os Pescadores têm uma saída muito complicada a casa do segundo classificado, a ADQC, e o Estrela de Santo André desloca-se à Moita.     


A OPINIÃO DOS TREINADORES

JOAQUIM SEZÕES, treinador do Estrela de Santo André:

“Entrámos mal no jogo e isso acabou por ser fatal”

“Entrámos mal no jogo e isso acabou por ser fatal porque sofremos os dois golos que ditaram a derrota. Depois na segunda parte com algumas alterações conseguimos ter uma atitude mais positiva e equilibrámos o jogo mas como estávamos a jogar contra o primeiro classificado que tinha dois golos de vantagem não conseguimos criar grandes oportunidades de perigo. A vitória dos Pescadores é justa, não há nada a apontar”.



JORGE AMARAL, treinador dos Pescadores:

“A equipa esteve sempre muito bem e dominou por completo o jogo”

“Entrámos bem no jogo e vencemos num campo difícil. Conseguimos controlar o jogo e fomos uma equipa que na realidade conseguiu dominar e anular todas as intensões do adversário que nunca criou grande perigo. Na primeira parte impusemos um ritmo bastante elevado num terreno bastante mau e num dia de bastante calor. Fizemos o resultado neste período. Na segunda parte poderíamos também ter feito mais alguns golos mas não conseguimos. De salientar que a equipa esteve sempre muito bem tanto no aspecto técnico como na disciplina de jogo e dominou sempre um adversário que não teve praticamente nenhuma oportunidade de golo”.


FICHA DO JOGO

Jogo no Complexo Desportivo do Estrela, em Santo André
ÁRBITRO: André Pagaime (Núcleo do Pinhal Novo)

SANTO ANDRÉ: Carlos Pereira, Buma, Malaquias (Palhas, 80’), Alexandre, Vítor; Gonçalo, Cito e Batsita (Elson, 65’); André Fernandes, Pratas e Kifo (Ruben Castro, 65’).
TREINADOR: Joaquim Sezões


PESCADORES: Hernâni; Benja (João Martins, 80’), Palma, Gomes, Fred; Bala, Forby (Pelé, 45’), Carlos Carvalho; Dani (Edi, 80’), Romário e Diego (Rafa, 70’).
TREINADOR: Jorge Amaral

Ao intervalo: 0-1
Marcadores: 0-1, Bala (24’) gp; 0-2, Diego (44’).
  

Share on Google Plus